Música

Entrevista: Tatau fala sobre saída do Ara Ketu, composições e novidades; confira

Em entrevista ao iBahia, cantou falou sobre a volta à carreira solo e do sucesso como compositor

Igor Andrade* (igor.andrade@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Dois anos depois de voltar ao vocais da banda Ara Ketu, Tatau anunciou mais uma vez sua saída do grupo. Compositor de vários sucessos, o cantor espera continuar a carreira solo que tinha começado após a primeira saída, além de continuar vendo suas músicas se tornarem sucesso na voz de outros artistas. Em entrevista ao iBahia, Tatau falou sobre os planos de retorno à carreira solo, a saída do Ara ketu, crise no axé e parcerias de sucesso. Confira!


Saída do Ara Ketu

De acordo com o cantor, seu retorno só previa o período de comemoração dos 20 anos dele à frente do grupo. “Quando eu retornei para o Ara Ketu só seria para as comemorações pelos 20 anos que estive à frente da banda. E que quando acabasse o contrato eu iria retornar para minha carreira solo”.


Carreira solo

Os 22 anos à frente da banda lhe renderam uma grande experiência que Tatau traz para sua carreira solo. “Eu tenho um trabalho amadurecido, estamos com um DVD gravado,  música para ser trabalhada, então não tem muita alteração da época que voltei para agora, então, graças a Deus tenho mercado”.


Tonho Matéria

Para Tatau, a escolha de Tonho Matéria como vocalista da banda foi muito bem acertada pela identificação que Tonho tem com o nome e com a história do Ara Ketu. “Já conheço o Tonho da época do Ara Ketu, como percussão e gostei da escolha dele, por existir uma grande identificação. Ele é um cara de muito talento, dispensa comentários e acredito que vai brilhar e dar uma continuidade bacana na banda”.


Música do Carnaval


Compositor do hit 'Tem Xenhenhém', que ganhou o Brasil na voz de Márcio Victor, Tatau se sentiu muito feliz com a escolha dela como música do Carnaval. “Me sinto muito feliz, porque ser feliz sozinho não dá certo. Minha felicidade é a felicidade de Márcio, pois quero agradecer a ele. A musica é bacana, leve e dá para curtir e brincar, isso é bacana”.


CompositorSobre o lado compositor, Tatau acredita que poderá dar continuidade e criar hits de sucessos na voz de outros cantores. “Agora vai aflorar muito mais, eu sempre gostei de compor. Nesse Carnaval compus para o Cheiro, Alinne Rosa, Márcio Victor, Pablo, e vários outros artistas. Eu gosto de ajudar as pessoas e principalmente fortalecer nosso carnaval.” Pablo


O cantor falou também sobre a parceria com Pablo, que levou a 'sofrência' para o Brasil. Tatau comentou também a importância de suas músicas serem interpretadas por ele. “Minha relação com Pablo como compositor quase ninguém sabe, geralmente faço essas músicas como samba e muitas delas são adaptações para o arrocha e eu acho bacana Por isso acredito que muito dessas músicas fizeram sucesso por seguir esse caminho diferente. Eu gosto de 'sofrência'. São músicas que ganharam muito mais essa titularidade por causa do Pablo.”


Crise no Axé


“A palavra na verdade não seria crise, hoje as atenções são divididas. Quando o axé surgiu só tinha ele com força e hoje existe o arrocha, o arrochadeira... Então são muito ritmos que surgiram depois dos 30 anos para cá, e esse monopólio tá sendo dividido. Não existe crise, existe um olhar para outros segmentos.”

*Com orientação e supervisão de Marcia Luz