Tecnologia

Esqueça as mensagens de texto: o comando de voz é o futuro próximo da tecnologia

Assunto foi tema de palestras durante o Salvador Creativity and Media Festival (Scream)

Isadora Sodré (isadora.sodre@redebahia.com.br)

Se nos voltássemos para a sociedade do início do século 20, nunca imaginaríamos como estaríamos ligados à tecnologia em 2019. Há 20 anos, o nosso contato com o mundo virtual se dava por uma internet discada, lenta e restrita aos desktops. Atualmente, os smartphones podem ser vistos até mesmo como uma extensão do nosso corpo (seríamos pseudo cirborgues?). Mas tudo pode mudar ainda mais rápido e as comuns mensagens de textos que já fazem parte do nosso cotidiano podem dar lugar, cada vez mais, aos comandos de áudio. É o que garantiu head de branding experience da 99, durante o Salvador Creativity and Media Festival (Scream), Cleber Paradela. 

Vanessa garante que o comando de voz irá ganhar cada vez mais força dos próximos anos / Foto: Reprodução

Durante o evento, realizado entre os dias 6 e 7 de dezembro, Paradela garantiu que o texto pode sim dar vez aos comandos de áudio, visto o crescimento dos assistentes pessoais dentro das casas das pessoas. Uma vez que, as principais tecnologias que irão 'mudar tudo' e que ganharão cada vez mais foça no mercado, são justamente aquelas que tem o comando de voz como a principal linha de execução. 

"2020 é o início de uma era sem tela, a tela do celular é deixada de lado e a voz ganha um protagonista muito grande. Não só pelos podcasts que estão invadindo tudo, mas principalmente pelos assistentes pessoais", pontou Paradela.

Em outro debate, que ocorreu também durante o Scream, a Digital Linker & Co-founder na White Rabbit, Vanessa Mathias também reforçou a força da voz na área tecnológica nos dias de hoje e no decorrer dos próximos anos. 

De acordo com Vanessa, a inteligência artificial conhece seus hábitos melhor até do que você mesmo e, tudo isso, integrado ao aprimoramento dos assistentes pessoais constrói uma nova perspectiva de tecnologia nos próximos anos. Por incrível que pareça, já é possível que uma voz tecnológica marque um horário no cabeleireiro por você. 

Ou seja, o início dos anos 2000 é apenas uma sombra distante e uma leve nostalgia do que ainda poderemos viver diante do avanço da tecnologia. Tudo o que um dia imaginamos, ou nem sonhávamos que poderia acontecer, está mais próximo do que aparenta.