Tecnologia

Ex-funcionários do Google lançam site de buscas pornô

O "Boodigo" faz o contrário dos sites de busca como Google e Bing, que bloqueiam buscas de conteúdo adulto

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Ex-programadores do Google e o produtor de filmes adultos, Colin Rowntree, lançaram um site paenas para buscas pornôs. O "Boodigo" faz o contrário dos sites de busca como Google e Bing, que bloqueiam buscas de conteúdo adulto, e apresenta apenas conteúdo considerado relevante para eles, filtrando todo o conteúdo que não é erótico relacionado ao tema da busca.


Veja também

Tinder atinge 13 milhões de 'matches' por dia

WhatsApp atualiza recursos para o sistema iOS


O site também mostra links que não contém spams, vírus ou que podem infectar os computadores. Filmes piratas não aparecem nas buscas. Em entrevista ao site "Beatbeat", Rowntree, afirmou que nenhum dado dos usuários é armazenado e entregue a empresas para a criação de anúncios personalizados. Ele não armazena "cookies" ou outros arquivos que permitem rastrear o usuário ou o que ele pesquisou e também não há criação de perfis de usuário. "Boodigo significa que você poderá procurar o que quiser de pornografia sem ter que se preocupar com alguém sabendo quem você é ou vendo o que você está pesquisando", afirmou o criador.