Brasil

Ex-jogador de futebol mata ex-mulher e é achado morto, diz polícia

Casal estava separado há quatro meses e homem não aceitava fim do relacionamento

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O ex-jogador de futebol Rubens Pereira dos Santos, 36 anos, é acusado de amarrar e matar a ex-mulher com um tiro na nuca, na última terça-feira (11), no interior de São Paulo. Segundo informações da polícia local, o atirador usou a arma para se matar com um tiro na boca.

Eles estavam separados há quatro meses e deixam um filho de 12 anos. De acordo com a Polícia Civil, Rubens não aceitava o fim do relacionamento e queria que a mulher o aceitasse de volta. A Polícia Civil também informou que a vítima recebia ameaças de morte do ex-jogador e já havia conseguido medida protetiva contra ele.

O caso foi registrado como feminicídio, seguido de suicídio.