Tecnologia

Facebook admite ter divulgado números inflados de visualizações de vídeos

No último trimestre, a empresa ganhou US$ 6,24 bilhões em publicidade

Redação Correio 24h
A rede social Facebook reconheceu que errou ao calcular estatísticas sobre consumo de vídeos na sua plataforma. "Descobrimos um erro na forma de calcular uma de nossas estatísticas de vídeo. O erro foi resolvido, não afetou o faturamento e informamos a nossos parceiros", informou a companhia em comunicado.De acordo com o jornal "Wall Street Journal", a empresa superestimou o tempo médio de visualização dos anúncios em vídeo por dois anos e desconsiderou as peças menores que três segundos.Segundo informações do portal G1, nos últimos anos a companhia ainda divulgou um aumento do número de usuários trimestre a trimestre e do tempo que estes passam online. Ainda de acordo com o portal, no último trimestre o Facebook ganhou US$ 6,24 bilhões em publicidade, 63% a mais que no mesmo período de 2015.
Correio24horas