Dia dos Namorados

Febraban faz alerta sobre aumento de golpes virtuais no Dia dos Namorados

Criminosos aproveitam da empolgação dos consumidores com a oportunidade de um bom negócio para aplicar golpe

Agência O Globo

O Dia dos Namorados deve aquecer a venda no comércio e também multiplicar o apetite dos golpistas no mundo virtual. Quadrilhas têm se aproveitado das datas com grande volumne de compras para aplicar golpes e roubar dados pessoais. O alerta é feito pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) que lista uma série de cuidados que podem reduzir o risco de cair em armadilhas.

A principal recomendação, diz Adriano Volpini, diretor da Comissão Executiva de Prevenção a Fraudes da Febraban, é desconfiar das promoções com preços muito menores que o valor real do produto. Os criminosos, continua Volpini, se aproveitam da empolgação dos consumidores com a oportunidade de um bom negócio para aplicar golpe.


Sites e e-mails falsos, ligações e mensagens são algumas das artimanhas usadas para ter acesso a informações pessoais, como nome completo, CPF, número de cartões de crédito e dados bancários. Confira as dicas da Febraban para evitar armadilhas:

- Ao receber um e-mail não solicitado ou de um site no qual não esteja cadastrado para receber promoções, é importante verificar se o remetente é, de fato, uma empresa idônea. Não clique em links.Digite os dados no navegador para acessar;

- Ao utilizar sites de busca, verifique cuidadosamente o endereço (URL) para garantir que se trata do site que deseja acessar. Fraudadores utilizam-se de “links patrocinados” para ganhar visibilidade nos resultados de buscas;

- Dê preferência a sites conhecidos e verifique a reputação de sites não conhecidos, lendo comentários de clientes que já utilizaram as plataformas;

- Nunca use um computador público ou de um estranho para efetuar compras ou inscrever seus dados bancários;

- Sempre utilize, em seu computador ou smartphone, softwares e aplicativos originais e mantenha sempre um antivírus atualizado;

- Caso seu celular seja roubado, entre em contato com a central de atendimento de seu banco para comunicar a ocorrência e bloquear as operações que podem ser feitas via smartphone;

- Não repasse nenhum código fornecido por SMS e nem qualquer outra informação sem confirmação com o setor responsável das empresas através dos canais de atendimento;

- Como regra, as grandes empresas de compra e venda na internet não mantém contato com o cliente através de aplicativos de mensagens, portanto sempre desconfie.