Especiais

Federação alemã confirma que troféu da Copa foi danificado durante comemorações

Apesar da preocupação, dirigente garante que a réplica que ficará sob a responsabilidade dos alemães será reparada mesmo sem o autor ser identificado

- Atualizada em


Redação Goal


O Presidente da associação de futebol da Alemanha (DFB), Wolfgang Niersbach, revelou que um dos jogadores do elenco que conquistou o mundial danificou o troféu da Copa do Mundo. Os homens de Joachim Low derrotaram a Argentina por 1-0 na final, após 120 minutos de jogo, e conquistaram o título pela quarta vez na história do país, que já havia vencido o torneio em  1954, 1974 e 1990.


A Mannschaft foi recebida em casa por quase meio milhão de torcedores que lotaram as ruas de Berlim, onde os atletas desfilaram com o troféu durante diversos dias da da semana, no entanto, eles podem ter comemorado um pouco demais, já que o troféu da Copa do Mundo foi danificado por um membro que não foi identificado.


"Em um ponto, um pequeno pedaço o nosso troféu da Copa do Mundo está lascado", disse o presidente Wolfgang Niersbach em entrevista ao Die Welt. O dirigente no entanto se adiantou para garantir que mesmo o culpado não tendo sido encontrado, eles providenciarão o reparo do troféu. "Não se preocupe! Temos especialistas que cuidarão do caso e isso pode ser corrigido. Nós investigamos persistentemente quem foi que danificou o troféu, mas a investigação foi concluída sem um resultado", informou.


Felizmente para a Alemanha, a taça que lhes foi dada pela Fifa é apenas uma réplica do troféu da Copa do Mundo foi apresentada no Maracanã no dia 13 de julho e que é estimado em mais de 10 milhões de euros (cerca de 30 milhões de reais). Fifa tende a não confiar o empréstimo do troféu para associações de futebol, após a Jules Rimet ter sido alvo de ladrões que a levaram em 1983, no Brasil.