Dança

Festival Internacional de Dança realiza 14ª edição em formato totalmente online

Participam desta edição produções artísticas de 12 países

Redação iBahia

O VIVADANÇA Festival Internacional precisou realizar alterações no formato por causa da pandemia do coronavírus. Totalmente adaptado ao formato online e digital, o festival recebe espetáculos de diversas partes do mundo e apresenta um olhar especial sobre a videodança entre os dias 29 de abril e 9 de maio de 2021. Toda a programação é aberta e gratuita para o Brasil, com exceção do espetáculo de abertura “Dancing at dusk - um momento com A Sagração da Primavera de Pina Bausch”, que custa R$ 10.

A programação também destaca produções da dança contemporânea no continente africano, mostras virtuais de produção local e internacional, batalhas de breaks e MC’s, concurso de popping, ações formativas com oficinas e encontros para networking, além de lançar o podcast “Bahia Mundo” com profissionais da dança que se estabeleceram em outros países. Participam desta edição produções artísticas de 12 países: Brasil, Alemanha, França, Moçambique, Senegal, Espanha, Polônia, Togo, Namíbia, Camarões, Níger e Tanzânia. A programação completa está no site.



O evento calendarizado, que tem sua abertura no Dia Internacional da Dança, vem reafirmando a cada ano seu lugar de encontros, difusão e conexões no universo da dança, com uma programação que coloca a Bahia no circuito de festivais internacionais, abrindo possibilidades artísticas e mercadológicas. Como novidades neste ano, o VIVADANÇA lança o podcast Bahia Mundo com cinco episódios que convidam profissionais baianos da dança que se estabilizaram profissionalmente fora do Brasil. Outra novidade é o Cine África, projeto da Mostra de Cinemas Africanos que se junta ao festival para exibir filmes africanos nos quais o universo da dança é destaque.