Comportamento

Geração Z x Millennial: entenda as diferenças e tretas entre as duas gerações

Nessa semana, os millennials descobriram que coisas banais são "cringe" para a Geração Z; não entendeu nada? a gente te explica!

Cláudia Callado (claudia.callado@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Se você entrou na internet durante essa semana, com certeza se deparou com um choque de gerações. Ao verem a palavra 'cringe' - gíria que tomou conta das redes sociais e você pode entender mais do que se trata aqui - associada aos millennials, muitos internautas se depararam com a realidade de que coisas que eles faziam com tanta naturalidade, se tornaram antiquadas e viraram micos - para usar termos mais fáceis. E isso, claro, gerou um embate entre gerações. Então, afinal, o que é a Geração Z? O que são os Millennials? Quais são as diferenças entre eles?

Millennials x Geração Z

De maneira prática, a principal diferença está na época em que cada grupo nasceu. Os Millenials são aqueles nascidos entre 1980 e 1994, enquanto a geração Z inclui pessoas que nasceram a partir de 1995 até 2010. 

Com o questionamento feito no Twitter pela influenciadora Carol Rocha, a Tchulin, sobre o que seria vergonhoso para eles - ou melhor, cringe - começou então o debate sobre o que é característico de cada geração. O tweet com o questionamento já tem mais de 10 mil respostas.

  • Millennial 

Na sociologia, os millennials (ou geração Y) são chamados de "geração do milênio" ou "geração da internet". O grupo é definido por pessoas que viveram a infância ou adolescência nos últimos anos do século XX e primeiros do século XXI. Dessa forma, por essa definição, um característica marcante dos millennials é o uso costumeiro de tecnologia, apesar de não terem nascido em um mundo onde elas já eram tão forte.

Exemplo: muitos dos jovens nascido neste período tiveram na adolescência a experiência de usar a internet discada, muito mais lenta e de difícil acesso, muito diferente do que encontramos hoje em dia. 

Naquela época smartphones não eram realidades, nem serviços de streaming, por exemplo. Por isso, ir a uma locadora de filmes era um programa tão comum e soa tão nostálgico para essa geração.

  • Geração Z

Já a geração Z, ou Gen Z, é composto por pessoas que hoje estão no começo da adolescência e no começo da vida adulta. Esse grupo, sim, nasceu em um mundo onde a internet já era uma realidade mais ampliada e a tecnologia, idem. Por isso, são chamados de "nativos digitais". 

Desde muito cedo, essa geração teve contato com os avançados tecnológicos, como a chegada dos primeiros smartphones.

Por isso, coisas tão comuns para os millennals, como pagar boletos, alugar um filme e ouvir Raça Negra, se tornaram "cringe" para uma geração acostumada a entrar no aplicativo do banco e fazer pagamentos e escolher o que assistir nos serviços de streaming.

E qual é a próxima geração?

Sim, em breve teremos outra geração inventando um novo termo para as "breguices" que as gerações passadas faziam. E esses são a geração Alpha, os nascidos depois de 2010. Ainda são crianças ou no máximo pré-adolescentes, mas é o grupo mais digital da história. 

De acordo com a agência de pesquisas australiana McCrindle, a geração Alfa é composta principalmente por filhos da geração Y, ou seja, millennials nascidos entre 1980 e 1995.

Para a agência australiana, além da tecnologia, uma característica marcante dessa geração vai ser a diversidade e os planos de "formar uma família", para eles, serão adiados para uma fase posterior da vida.