Gente

Gil do Vigor se revolta após notícia sobre suicídio do filho de Walkyria Santos

O ex-bbb ainda deixou uma mensagem de carinho para a cantora

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Gilberto Nogueira, o Gil do Vigor, expôs sua indignação nas redes sociais nesta quarta-feira (4), após receber a informação sobre a morte de Lucas, filho de cantora Walkyria Santos. Com 16 anos, o jovem, que estava lutando contra a depressão, teria cometido o suicídio após receber comentários negativos em uma publicação nas redes sociais.

"A internet está adoecida. Infelizmente, muita gente maldosa se sente livre para destilar seus preconceitos, acreditando não ter consequências. Comentários desse tipo machucam e, como sabemos, não edifica", disparou ele nas redes sociais.

Na oportunidade, o economista ainda deixou uma mensagem de carinho para a família da ex-vocalista da Banda Magníficos. "Todo meu apoio à cantora Walkyria e família. Sejamos amor", finalizou.



Quem também se posicionou sobre o assuntou a vencedora do BBB 21, Juliette. "As pessoas precisam PARAR de usar a internet para machucar! Não é só um comentário, não é só uma opinião, é sobre a vida de alguém...", escreveu ela.

A maquiadora classificou o episódio como "desumano": "Vocês imaginam a dor de perder um filho pela irresponsabilidade/maldade de alguém? Isso é desumano!".

E complementou: "Não é machucando alguém que as suas dores vão diminuir, não é humilhando alguém que você vai ser maior, não é ganhando uma briga que você terá paz. PAREM!!! Com quem quer que seja... por favor parem!".

Veja: