Economia

Governo antecipa mudança no financiamento da casa própria

Prevista para no que vem, limite de R$ 1,5 mi do FGTS para comprar imóveis começa na terça que vem

Gabriela Valente, de Agência O Globo

O governo decidiu antecipar o novo limite de empréstimos para a compra da casa própria. A partir desta terça-feira, o brasileiro poderá usar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para comprar imóveis novos ou usados de até R$ 1,5 milhão em qualquer cidade do país a partir do ano que vem. A previsão era que a medida só entraria no início do ano que vem.

Segundo João André Pereira, chefe do departamento de Normas do Banco Central (BC), bancos e construtoras procuraram o BC e o Ministério da Fazenda para dizer que não havia problemas operacionais para colocar a mudança em prática.

Atualmente, apenas nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo, além do Distrito Federal, imóveis de até R$ 950 mil podem ser financiados pelo SFH. No restante do país, o teto era de R$ 800 mil.

— Tem todas as outras vantagens de operações que estão no SFH, como taxa de juros limitada — falou João André Pereira.