Saúde

Homem enxerga tudo em vermelho após tomar remédio para disfunção erétil

Alta dose do medicamento provocou efeito colateral

Agência O Globo

A automedicação de um homem com disfunção erétil acabou gerando efeitos colaterais em outras partes do corpo. Segundo os médicos que o atenderam, após tomar uma alta dose de citrato de sildenafila, contido em medicamentos como o Viagra, o homem passou a enxergar tudo em vermelho

O caso do paciente foi relatado em uma publicação científica divulgada este mês, a "Retinal Cases".

O Sildenafil, que pode ser vendido em medicamentos de marca ou como genérico, é considerado relativamente seguro, mas mesmo doses prescritas por médicos podem causar reações, como visão borrada, aumento da sensibilidade à luz e mudanças nas cores.

Normalmente esses sintomas são apenas temporários, durando no máximo um dia. Segundo a publicação, os sintomas apresentados pelo homem apareceram logo após ele tomar uma certa quantidade de citrato de sildenafila em formato líquido, comprado pela internet. Em seguida, ele começou a ver rastros multicoloridos, os seus olhos ficaram mais sensíveis à luz e ele começou a enxergar tudo em vermelho.


Dois dias depois, ele procurou a emergência de uma clínica oftalmológica em Nova York. Na época, a sensibilidade à luz e a visão de rastros multicoloridos haviam passado, mas ele permaneceu vendo tudo em vermelho.

"As pessoas vivem sob a filosofia de que se um pouco faz bem, muito será ainda melhor. Esse estudo mostra o quão perigoso é uma dose extrema de um remédio amplamente usado", ressalta o principal autor do estudo sobre o caso, Richard Rosen.

Não se sabe ao certo a dose tomada pelo homem, mas os médicos acreditam que foi superior à quantidade recomendada, de 50 miligramas.