Mundo

Homem faz voo de 9 horas após engolir 110 pacotes de cocaína mas acaba preso

Sob custódia da polícia, ele foi encaminhado para um hospital, onde médicos retiraram de dentro dele outros 64 pacotes de cocaína

Agência O Globo

Um homem foi preso, acusado de importar drogas, após chegar no aeroporto internacional de Sydney, na Austrália, com 110 pacotes de cocaína escondidos dentro de seu trato intestinal. O australiano de 48 anos, que não teve o nome divulgado, engoliu a droga antes de entrar num voo de nove horas vindo da Tailândia. Parte da droga foi removida de dentro do atravessador em um hospital. As informações são da agência de notícias "CNN".




A prisão do suspeitio aconteceu no último dia 1. Assim que chegou em Sydney, o homem teve a bagagem vistoriada, e as autoridades não encontraram drogas em seus pertences. No entanto, ele acabou confessando que carregava a cocaína dentro do corpo. Ainda no aeroporto, ele expeliu 46 pacotes contendo cerca de 460 gramas, ao todo, da droga.

Em seguida, já sob custódia da polícia, ele foi encaminhado para um hospital, onde médicos retiraram de dentro dele outros 64 pacotes de cocaína. No total, o homem havia feito a viagem com pouco mais de 1kg da droga no corpo.


O porta-voz da Força Policial de Fronteira da Austrália Lesley Dalton disse que a tentativa de transportar a droga dentro do corpo pode significar um risco de morte. "Importar drogas internamente é extremamente perigoso e pode levar a sérios riscos de saúde e até à morte", disse.

Se condenado, o australiano pode pegar até 25 anos de prisão.