Mundo

Imagem de peixe espremido por anel de plástico choca internautas

Pescador alertou através das redes sociais o perigo da falta de educação com o meio ambiente

Agência O Globo

Um canadense que pescava no rio Saskatchewanm, em Alberta, se surpreendeu ao pegar um peixe que tinha um trecho do corpo mais fino. Adam Turnbull imaginou que o animal tivesse sido abocanhado por um predador, mas se espantou ao notar que, na verdade, ele havia crescido por entre um anel de plástico.

(Reprodução: Facebook)

(Reprodução: Facebook)
O lacre de um isotônico, jogado como lixo nas águas canadenses, se prendeu ao peixe, que se desenvolveu nas extremidades do anel e permaneceu fino na região "amarrada".

"Recolha o seu lixo", alertou o pescador, natural de Ontario. A postagem foi compartilhada mais de 11 mil vezes em meio à denúncia dos danos à vída marinha dos detritos depositados de forma irregular.

Turnbull cortou o pedaço de plástico que cobria a tampa do isotônico — uma estrutura, segundo ele, que deveria ser guardada no bolso do consumidor até encontrar uma lixeira. Depois das fotos, o canadense devolveu o peixe ao rio. "Obrigado a todos que viram este post com o objetivo de conscientizar", ressaltou no Facebook.