Comportamento

Isopor, protetor, água: as dicas para quem vai passar a virada na praia

As quase 24 horas de diversão exigem alguns cuidados, como a atenção com a pele e com todo o corpo

Agência O Globo
- Atualizada em

Virar o ano na praia é um costume de muitos moradores . Para aproveitar melhor, algumas pessoas chegam no dia 31 cedo e ficam até a manhã seguinte. As quase 24 horas de diversão exigem alguns cuidados, como a atenção com a pele. A exposição excessiva ao sol pode trazer prejuízos para a sua saúde em 2019.

— É necessário o uso de protetor solar contra raios UVA e UVB. As pessoas devem aplicar o produto 30 minutos antes da exposição ao sol e reaplicá-lo a cada duas horas ou menos, se houver transpiração excessiva ou se a pessoa entrar na água — orienta Alessandra Zawadzki, dermatologista da Policlínica Granato.

Foto: Reprodução

Além de se proteger do sol, é preciso se cuidar para não ficar desidratado: beber bastante água, evitar o consumo excessivo de bebidas alcoólicas e não ficar muito tempo sem comer são algumas atitudes que você pode tomar. Assim, você vira o ano bem longe das emergências dos hospitais.

— Bebida não combina com estômago vazio. Não fique muito tempo em jejum. Dê preferencia às oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas) e frutas — sugere Marcela Maltez, professora de Nutrição da Unisuam e especialista em Gestão na Segurança de Alimentos e Bebidas.

Falando em comida, atenção: se você for levar tudo pronto de casa para montar a ceia na areia, é fundamental ficar de olho para evitar começar o ano com uma intoxicação alimentar causada pela má conservação dos quitutes ao longo do dia.

— É importante que qualquer comida esteja devidamente embalada, armazenada na temperatura correta e sem exposição ao sol. O ideal é levar as preparações armazenadas em bolsas térmicas, coolers ou isopores. Existem, no entanto, alguns ingredientes que, mesmo com esses cuidados, podem estragar, como as maioneses. A preparação do prato deve ser feita o mais próximo possível do horário de partida para a praia — indica Marcela.

 DICAS:

  * Fuja do sol: se possível, use barracas de lona ou algodão, que absorvem 50% da radiação UV

  * Água no ouvido: seque os ouvidos após cada mergulho. Caso a água entre na cavidade e haja dificuldade, movimente a orelha.

  * Hidrata-se: beba pelo menos 2l de água e intercale com o consumo de bebdia alcoólicas

  * Proteja a cabeça: use chápeus, óculos escuros (com proteção UV), camisetas e evite ficar exposto ao sol entre às 10h e 16h.

  * Troque de roupa: não fique com roupa molhada por muito tempo, pois a combinação de calor e umidade contribui para o surgimento de doenças que podem causar ardor, coceira e ferimentos.

  * Cuidado com a comida: evite ingerir comidas gordurosas. Dê preferência a frutas e verduras. Os alimentos devem estar em térmicas, coolers ou isopores.