Tecnologia

Lucre sem sair de casa: saiba como usar as redes sociais ao seu favor

Para te ajudar, o iBahia conversou com dois especialistas no assunto e separou algumas dicas para aumentar as vendas durante a pandemia

Maria Beatriz Pacheco* (maria.beatriz@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Com as medidas de isolamento social para conter a disseminação do Covid-19, muitos empreendedores precisaram fechar as portas das lojas físicas e buscar novas formas de obter lucros: Delivery, Drive-tru e vouchers. E o pior: por tempo indeterminado. Nessa realidade de crises e novas regras, as redes sociais podem ser a "peça-chave" para impulsionar seu negócio. O iBahia conversou com Alex Cruz, consultor empresarial, e Paulo César, social media e um dos criadores da página @frasesdobaiano, no Instagram, e separou algumas dicas para aumentar as vendas do seu negócio durante a pandemia. Confira: 

1. Escolha a rede social que melhor se adequa ao seu público-alvo

Uma das principais vantagens da internet é a superação das limitações geográficas: ou seja, uma loja que fica em Salvador pode vender e divulgar os seus produtos para diferentes estados e cidades. No entanto, para se obter sucesso, é preciso, antes de tudo, entender em qual rede social seu público se encontra para trabalhar sua marca nela. Para os especialistas, após entender qual o público alvo do negócio, é preciso planejar o conteúdo, manter a frequência de publicações e buscar interagir sempre com os consumidores.

"O acesso ao produto depende do perfil do consumidor. É possível fazer intersecções entre as redes sociais e torná-las complementares. Uma sugestão para otimizar seu negócio é definir estratégias com o Whatsapp business, que facilita o relacionamento com o cliente", aconselha Alex.

2. O processo é lento, mas é possível "dar uma acelerada"

Conquistar o sucesso por meio das redes sociais é algo que leva tempo, mas que pode ser acelerado desde que haja persistência. "Para otimizar as vendas, é importante publicar conteúdos diariamente ou semanalmente, organizados por horários e sempre buscar interagir com os seguidores.  É muito importante para esse crescimento saber onde o seu público esta e o que ele quer consumir", aconselha Paulo Cesar.

Alex também reforça a importância de estar sempre em contato com os consumidores e evitar respostas "cruas". "É preciso atender e responder os clientes de maneira rápida para que a venda seja melhor trabalhada e eles voltem mais vezes", complementa.

3. Como ser assertivo no conteúdo produzido pela marca?

Para Paulo César, em muitos casos é difícil ter a certeza do que irá viralizar ou não, mas é preciso estar ciente de assuntos atuais, de temas interessantes para o público e adaptá-los para que se tornem originais. Assim, os internautas passarão a compartilhar e engajar com o que foi produzido pela marca.

4. Novas ferramentas: quem não arrisca, não sabe se dará certo

Durante o isolamento social, algumas ferramentas como templates no Instagram, transmissões ao vivo no Youtube e o aplicativo TikTok ganharam força entre os internautas. Mas será que podem ser utilizadas para impulsionar as vendas? Para Alex, só se descobre ao tentar. "Quando algum recurso está na moda, é preciso usá-lo com agilidade ou então oportunidades serão perdidas. Não é preciso perfeição, mas sim produtividade. Se for para errar, que seja rápido", explica.



5- Memes e conteúdos de humor: como evitar polêmicas?


O termo "cancelado" se popularizou nas redes sociais e é utilizado para se referir a pessoas ou até mesmo marcas que adotaram uma postura desagradável ao público. Para evitar que isso aconteça com seu negócio, é preciso redobrar os cuidados ao compartilhar conteúdos humorísticos. De acordo com Paulo, alguns desses "cancelamentos" podem ser prevenidos desde que se faça uma reflexão se aquilo irá ou não ofender alguém. Além disso, ele reforça que é preciso estar sempre atento as questões da atualidade e se aprofundar em um assunto antes de compartilhá-lo.

Extra! Para quem está começando "do zero" também existe uma salvação

Se você não possui nenhum tipo de empreendimento, no momento, ainda é possível conseguir uma renda extra utilizando as redes sociais. Segundo Alex, é preciso ter em mente o que você tem de positivo a oferecer e o que o público consumiria. Para ele, o conhecimento e a originalidade são elementos chaves para dar o primeiro passo.

Fontes: Paulo César é um dos fundadores do Instagram @frasesdebaiano, perfil de humor baiano com mais de 175 mil seguidores. Atualmente, ele trabalha com Marketing Digital e redes sociais. Allex Cruz é consultor de empresas, com especialização em gestão de negócios.

* Sob supervisão da repórter Lívia Oliveira