Gente

Mãe de Paulo Gustavo desabafa sobre saudade: 'Dor não passa nunca'

O humorista morreu aos 42 anos em maio desse ano, vítima da Covid-19

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Dea Lúcia Amaral, a mãe de Paulo Gustavo, usou as redes sociais na última quinta-feira (25) para publicar um desabafo sobre a saudade que sente do filho. O humorista morreu aos 42 anos em maio desse ano, vítima da Covid-19.


“Os espíritos ainda não encontraram uma palavra para definir a dor de um coração de mãe quando perde um filho”, diz a frase de Chico Xavier postada por Dea Amaral. "Dor da saudade não passa nunca", completou ela na legenda da publicação.

Na descrição do seu perfil a matriarca assina com orgulho: "Sou avó de Romeu e Gael". Os dois são filhos de Paulo Gustavo com o médico Thales Bretas.

Confira a publicação: