Mais Esportes

MMA: Baiana Virna Jandiroba disputará título do Invicta, nos EUA

Lutadora de Serrinha, radicada em Feira, enfrenta a gaúcha Janaisa Morandin, no dia 24 de março, nos EUA, pelo título da categoria palha

Ivan Dias Marques, do Correio 24 horas (ivan.marques@redebahia.com.br)

O nome de um evento não podia ter mais sentido. No dia 24 de março, a baiana Virna Jandiroba, invicta em 12 lutas no MMA, enfrenta a gaúcha Janaisa Mondiran pelo cinturão dos palhas vago do Invicta FC, evento do esporte exclusivo para mulheres e vinculado ao UFC. A luta acontece em Salt Lake City, nos EUA.

Virna ataca Amy Montenegro em sua luta mais recente no Invicta (Invicta/Divulgação)

Nascida em Serrinha, Virna, de 29 anos, largou tudo em sua cidade para se dedicar ao MMA na academia Fight House, em Feira de Santana. Ao todo, são dez finalizações e duas decisões dos juízes na carreira. Em sua última luta, estreando no Invicta, em dezembro, finalizou a americana Amy Montenegro com uma chave de braço. 

Para a luta contra Janaisa, ela vem passando também  por treinamentos com Luiz Dórea, ex-treinador de Acelino Popó Freitas e mestre de boxe de diversos lutadores do UFC, como Júnior Cigano, Anderson Silva, Rodrigo Minotauro, Rogério Minotouro, entre outros. A gaúcha, de 23 anos e conhecida como 'Princesa do Mal', conta com um cartel de 10 vitórias e apenas uma derrota. 

"A preparação está sendo a melhor possível. Ela vai lutar com uma striker, então, estamos indo na Academia Champion do professor Dórea também. Estamos contando com a ajuda dele. A Virna vem fazendo sparring com a campeã brasileira de boxe da sua categoria", conta Renato Velame, mestre e técnico da lutadora, conhecida como Carcará.