Santa Casa

Moderno, Campo Santo tem plataforma que realiza "chuva" de pétalas de rosas

Cemitério de Salvador mantém um misto de tradição e modernidade ao longo dos anos

Especial de Conteúdo
- Atualizada em


Oferecimento
Cemitério em atividade mais antigo de Salvador, o Campo Santo, da Santa Casa da Bahia, se mantém em um misto de tradição e modernidade. O processo de modernização do cemitério é um exemplo disso. O local agora conta com uma plataforma que permite realizar chuva de pétalas de rosas durante os sepultamentos nas gavetas dos módulos verticais.

"Essa é a primeira plataforma elevada de sepultamento com chuva de pétalas da Bahia", afirmou o gerente do Campo Santo, Roberto Taboada, que falou também da importância do cemitério na história do Estado.

Foto: Divulgação
"O Campo Santo hoje é o cemitério mais tradicional e está cada dia mais moderno. A história dele vêm sendo contada ao longo dos séculos por meio de seus equipamentos históricos e as personalidades sepultadas aqui. Os avanços da tecnologia, aplicados com responsabilidade ambiental, revelam sua modernidade”, afirma.

Módulos verticais de sepultamento com gavetas ecológicas fazem parte do mais recente processo de reestruturação do cemitério. “Esses equipamentos, exclusivos do Campo Santo, não poluem o meio ambiente e são feitos de material reciclável”, conta o gerente.

Nessa ala nova é possível acessar uma pequena biografia e até fotos da pessoa que está sepultada em vida, por meio de QR Code. A família alimenta as informações. Por meio do ambiente virtual, o visitante ainda pode acender uma vela em homenagem ao falecido, fazer uma oração e deixar uma mensagem.

No Dia de Finados, nesta sexta-feira (2), quem for ao Campo Santo poderá ter acesso a tablets para fazer pesquisas sobre horários de sepultamentos e novos serviços funerários.