Mundo

Mulher é presa após praticar sexo com cão

O advogado da mulher afirmou que a cliente só fazia sexo com o animal porque queria agradar ao ex-namorado

Agência O Globo
Jenna gravou em vídeo o sexo com o cão em três oportunidades
Foto: Reprodução da internet



Jenna Louis Driscoll, de 27 anos, foi presa após admitir ter feito sexo três vezes com um cão em Brisbane (Austrália), em agosto. O juiz que cuida do caso classificou o comportamento de Jenna como "repulsivo" e "contra a natureza".


As relações sexuais de Jenna e o pitbull terrier foram documentadas em vídeo. O advogado da australiana afirmou que a cliente só fazia sexo com o animal porque queria agradar ao ex-namorado.


James Godbolt acrescentou que o ex de Jenna gostava de receber vídeos registrando os atos sexuais. Era assim que ele costumava se excitar. Eles ficaram juntos por seis anos.


A mulher seria libertada, mas outras acusações surgiram contra ela. Jenna também admitiu ter ferido uma pessoa com uma faca, ter mordido uma criança duas vezes e ter traficado maconha, segundo reportagem do "Courier Mail".