Gente

Murilo Huff desabafa sobre morte de Marília Mendonça: 'Poderia estar naquele avião'

O cantor ainda relembrou o término com Marília e contou a motivação

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Murilo Huff falou pela primeira vez sobre a morte de Marília Mendonça em uma entrevista ao “Fantástico” na noite do último domingo (7).

Extremamente emocionado, o sertanejo relembrou os quatro anos de relacionamento com a cantora e afirmou que se estivessem juntos, poderia estar no avião que sofreu o acidente.

"Faz muito pouco tempo que a gente não estava junto mais, mas a relação foi sempre muito boa. Todas as vezes que a gente teve algum tipo de atrito, que a gente precisou se afastar como casal, mas a gente sempre se respeitou demais. Nunca paramos de se falar, principalmente depois do Léo. Eu sempre respeitei ela muito como mãe e ela sempre me respeitou muito como pai acima de qualquer coisa", revelou.


O cantor relembrou o término com Marília, logo após uma viagem ao México. "Foi por um motivo tão besta... E, analisando agora, se a gente estivesse junto eu ia estar com ela dentro daquele avião. Eu não tinha show, com certeza absoluta ia estar lá com ela", disse.

Murilo ainda relembrou com carinho o momento em que se conheceram. "A gente se conheceu quando ela gravou uma composição minha. Eu mandei um direct [mensagem privada] pra ela quando ela foi fazer um show em Anápolis, uma cidade perto de Goiânia. Mandei pedindo pra ir no show, pra ver a galera cantando a música e ela foi super receptiva comigo, me recebeu no camarim. Depois disso eu ficava só com ela e ela só comigo, mas o pedido de namoro aconteceu um ano e meio depois. Mas desde o início a gente teve uma conexão muito forte", falou.

Juntos por quase quatro anos, Murilo e Marília tiveram Léo, o pequeno fará 2 anos no mês de dezembro.