Séries

O fim de 'Game of Thrones' e as maiores apostas de séries de TV em 2019

Saiba quais estreias devem movimentar a televisão no ano que vem

Agência O Globo

Quando estrear a oitava e última temporada de “Game of thrones”, em abril, estaremos diante de uma das mais caras produções já vistas na História da televisão.

Foto: Divulgação

Os seis episódios custaram mais de US$ 90 milhões, segundo estimativas. Se alguém ainda duvida, a TV confirma que não está mais atrás do cinema em aspecto algum. E os lançamentos previstos para 2019 reforçam a tese. São séries cercadas de expectativa pelo valor de produção e/ou artístico.

Veja só o caso de “Big little lies”. O que era para ter sido uma minissérie fez tanto sucesso que voltará no próximo ano com ninguém menos que Meryl Streep no elenco. Também terá um roteiro 100% original. Assim como “GoT”, o drama produzido por Nicole Kidman e Reese Witherspoon ultrapassou a trama do livro do qual foi adaptado.

Falando nisso, HQs vão dar origem a duas atrações aguardadíssimas. O clássico “Watchmen”, de Alan Moore e Dave Gibbons, vai ganhar a tela pelas mãos de Damon Lindelof, produtor de “Lost” e “The leftovers”. Já “The Umbrella Academy”, saga de super-heróis disfuncionais, vem dos quadrinhos criados por Gerard Way (da banda My Chemical Romance) e pelo brasileiro Gabriel Bá.

Ainda entre adaptações, após o sucesso de “Deuses americanos”, os fãs de Neil Gaiman terão “Good Omens” (ou “Belas maldições”), cocriado por Terry Pratchett, morto em 2015.

O ano será bom também para quem curte dramas de época. A terceira temporada de “The Crown” vai renovar seu elenco para contar outro capítulo na história da família real britânica. Elizabeth II agora é interpretada pela excelente Olivia Colman, atualmente uma das favoritas ao Oscar por seu papel no filme “A favorita”. E Helen Mirren protagoniza “Catherine the Great”, no papel da “déspota esclarecida” que comandou o Império Russo no século XVIII.

Em solo tupiniquim, a Globoplay amplia seu catálogo com produções inéditas, entre as quais as biografias “Elis — Viver é melhor que sonhar” e “10 segundos para vencer”. Falta pouco.

'Game of Thrones'


Poucos eventos na história da televisão foram tão cercados de expectativas quanto a temporada final de "Game of Thrones". Sem nenhuma cena divulgada até agora, a despedida das famílias de Westeros está marcada para abril de 2019, na HBO.

'The crown'

Foto: Divulgação

Uma das séries mais caprichadas e bem-sucedidas da Netflix, a britânica "The crown" chega ao terceiro ano com o desafio de transpor a vida da rainha Elizabeth II para as telas renovado. Como a partir de agora a série se dedicará aos anos de maturidade da monarca, sai a elogiada Claire Foy e entra Olivia Colman (na foto acima) . Outra adição no elenco é Helena Bonham Carter, que substitui Vanessa Kirby como a rebelde princesa Margaret.

'Big little lies'

Por enquanto, apenas a foto acima foi divulgada. Mas o que se sabe é que Meryl Streep estará no elenco da segunda temporada de "Big little lies", como a mãe do violento Perry Wright (Alexander Skarsgard), marido de Celeste (Nicole Reese). Resta ainda a curiosidade de como a história vai avançar para além do romance de Liane Moriarty, no qual a primeira temporada completa é baseada. A premiada série da HBO ainda conta com Reese Witherspoon e Shailene Woodley no elenco. 

'Good omens'



São altas as expectativas para "Good omens", adaptação da Amazon do best-seller de Terry Pratchett e Neil Gaiman. A produção da Amazon se centra em torno da improvável amizade entre o anjo Aziraphale (Michael Sheen) e o demônio Crowley (David Tennant). Ah, e ainda tem Jon Hamm, o eterno Don Draper, como ninguém menos do que o arcanjo Gabriel.

‘Elis — Viver é melhor que sonhar’

Foto: Divulgação

Andreia Horta vive Elis Regina e Mel Lisboa é Rita Lee na expansão do filme de Hugo Prata, com mais músicas e personagens. A produção estará disponível no Globoplay a partir de 1º de janeiro.

'The gilded age'

Viúvas e viúvos de "Downton Abbey" vão ficar felizes com essa: após anos de gestação, o novo projeto de Julian Fellowes, criador do adorado melodrama britânico, vai sair do papel. Com o nome de "The gilded age", a produção da NBC estreia na primavera dos Estados Unidos. Ambientada em Nova York, o drama de época é sobre uma família de novos ricos que tenta ascender à estratosfera social dos Astors e Vanderbilts.

'The Umbrella Academy'

Adaptação dos quadrinhos criados por Gerard Way (da banda My Chemical Romance) e ilustradas pelo brasileiro Gabriel Bá, a produção da Netflix leva para as telas a saga de 43 crianças com poderes especiais que são criadas pelo bilionário Sir Reginald Hargreeves na tal Umbrella Academy que dá nome à série.

'Watchmen'

Quer mais uma série originária dos quadrinhos? A HBO assumiu o desafio de levar para as telas (após o filme decepcionante de 2009) uma das mais célebres HQs da história. Comandada por Damon Lindelof (de "Lost" e "The leftovers", a adaptação da obra de Alan Moore terá  Regina King, Jeremy Irons, Don Johnson no elenco.

'Black monday'



Depois do sucesso de "Billions", o Showtime investe em outra produção sobre o mercado financeiro. Com estreia marcada para logo mais, em 20 de janeiro, "Black monday" explora a história por trás do maior tombo do mercado de ações em Wall Street, ocorrido em 19 de outubro de 1987. Don Cheadle, Andrew Rannells and Regina Hall estão no elenco.

‘Catherine the Great’

A Elizabeth II de "The crown" não será a única monarca a reinar na televisão em 2019. A aguardada coprodução da HBO com a Sky convocou ninugém menos do que Helen Mirren para viver Catarina, a grande, a "déspota esclarecida" que comandou o Império Russo no século XVIII.

‘10 segundos para vencer’

Foto: Divulgação

Daniel de Oliveira encarna o boxeador Éder Jofre, e Osmar Prado vive seu pai na versão televisiva do longa de José Alvarenga Jr. A série, disponível a partir do dia 8 de janeiro na Globoplay, vai se aprofundar na vida pessoal do pugilista.