Economia

Pix: bancos têm até 4 de outubro para implementar limite de R$ 1 mil no período noturno

Resolução foi aprovada pelo Banco Central (BC) nesta quinta-feira (23)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Os bancos têm até o dia 4 de outubro para implementar medidas para coibir fraudes na prestação de serviços de pagamento, especialmente o Pix. A principal delas é limitar a, no máximo, R$ 1 mil a prestação de serviços de pagamento para o período das 20h às 6h, incluindo aí transferências pelo Pix.

A resolução foi aprovada pelo Banco Central (BC) nesta quinta-feira (23). O cliente pode solicitar o alteração do limite, formalizado nos canais de atendimento eletrônicos. No entanto, a instituição deverá estabelecer prazo mínimo de 24 horas para efetivar a solicitação. 

Outros duas medidas deverão ser implementadas até 16 de novembro. Uma obriga os bancos a realizarem “registros diários das ocorrências de fraudes ou de tentativas de fraude na prestação de serviços de pagamento, discriminando, inclusive, as medidas corretivas adotadas”.

A outra obrigada as instituições a avaliar previamente clientes que oferecem oferta de serviços que compensam os pagamentos no mesmo dia em que a transação foi realizada.