Arte e Decoração

Placas de feira podem virar peças de decoração e compõem ambientes

Elas dão toque lúdico e ainda custam bem baratinho

Daniel Silveira, do Correio 24h

“Vende-se geladinho de frutas” ou “Temos mocotó”. Você já deve ter visto algum desses avisos pela cidade. Mas já imaginou colocar uma placa dessas dentro de casa? Apesar de simples, letterings desse tipo  dão charme e ludicidade aos ambientes e ainda custam pouco. “As pessoas possuem uma visão distorcida sobre projetar a casa. Pensam que mobiliário e adornos são sempre supercaros, porém existem várias possibilidades de fazer uma decoração com pouca grana, mas com muito bom gosto”, aponta o arquiteto Christiano Ruvenal.

Para ele, as placas de feira são um bom exemplo disso. “São opções divertidas que podemos agregar à decoração, dando um ar contemporâneo e urbano. É uma solução simples e em conta, que pode funcionar de diversas maneiras”, explica. Quando e onde usar, Ruvenal lembra que não existem regras. “Com o nome do casal com corações enfeitados ou uma frase sobre uma prateleira no quarto dos filhos. Na cozinha, em forma de advertência sutil, em tom de brincadeira, ou até mesmo como um quadro de avisos. Se encaixando no conceito da decoração proposta, a peça só irá acrescentar e dar um toque  especial ao ambiente”, finaliza.

Cuidado com o que escreve...

Foto: Angeluci Figueiredo / Correio


O lettering está cada vez mais em alta. O diretor de arte Douglas Reis, por  exemplo, tem transformado ambientes e eventos com a arte. Ele diz que, além de usar na decoração de casas, tem visto os desenhos em vitrines de lojas, bares e até casamentos. “Tudo depende da personalidade da pessoa. Em meu banheiro, por exemplo,  tem uma placa que diz ‘aqui termina a obra de um grande cozinheiro’”, brinca.

Mas antes de se divertir com as plaquinhas é bom tomar certos cuidados. “Deve-se pensar onde será colocada a placa e prestar atenção na fixação para evitar acidentes”, explica Ruvenal. “Acredito que o maior deles é o que vai se escrever, tem que ter a cara da família”, aponta. “Se for usar frases de advertência, cuidado para não ser mal interpretado”, alerta.  E se não tiver muita destreza e quiser uma dessas em casa, as placas dessa página foram feitas pelo grafiteiro Aylton Pitta (Flores da Favela). Cada uma custa R$ 20 e dá para encomendar trabalhos pelo telefone 98797-8017.