Carros

Quais são as diferenças e semelhanças de rastreador e seguro

Há empresas de rastreadores que possuem planos que incluem a adesão do seguro

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A segurança do carro é uma das coisas que mais preocupa os proprietários. Por conta disso, muitos já buscam uma seguradora logo após a compra do automóvel. No entanto, muita gente fica perdida devido a quantidade de opções que o mercado oferece. Se você se encaixa nesse perfil, tenha em mente as diferenças e semelhanças primeiras entre um rastreador e um seguro automotivo.

A semelhança principal entre os dois está justamente na segurança do carro. Os dois deixarão o proprietário mais seguro se algo acontecer com o veículo, mas de maneiras diferentes.

O objetivo principal do serviço de rastreamento é encontrar seu veículo em caso de roubo ou furto. Para isso, é preciso que o carro tenha instalado este tipo de equipamento. Através dele, será emitido um sinal informando a localização do veículo. O indicado, nesse caso, é contratar o serviço de uma empresa que faça a instalação do equipamento e, além disso, também realize o rastreamento quando preciso.


Já o seguro automotivo visa manter seu carro em segurança em outro aspecto: ele vai cobrir danos financeiros causados ao veículo. Em casos de colisões, roubo, furtos ou falhas mecânicas o seguro pode ser acionado e este irá reparar financeiramente o proprietário do veículo. Além disso, dependendo do contrato, o seguro pode cobrir danos em carros de terceiros, caso estes tenham se envolvido em um acidente provocado pelo carro segurado.

Apesar das diferenças entre os dois serviços, há empresas de rastreadores que possuem planos que já é possível adquirir o seguro. Além disso, os carros que possuem rastreadores costumam ter um valor menor de seguro.