Música

Rafael Cortez lança CD, Elegia Da Alma; ouça

Belas melodias, em músicas serenas. Boa surpresa, em tempos de jovens músicos de qualidade duvidosa na mídia

Lívia Rangel (livia.rangel@redebahia.com.br)
- Atualizada em
Rafael Cortez mostra sua faceta instrumental, em Elegia



O jornalista, humorista e repórter de programa de TV 'CQC - Custe o Que Custar', Rafael Cortez, 34, lança seu primeiro álbum, Elegia Da Alma, todo instrumental e tocado no violão. Elegia Da Alma tem 15 faixas compostas, tocadas e gravadas por Rafael, que estudou violão erudito e colecionou estas músicas durante sete anos. No álbum, completamente independente, ele faz homenagens aos seus ídolos e inspirações, como Nara Leão, Segovia, Barrueco, Villa-Lobos, Fábio Zanon, Public Enemy, Chico Buarque e Badi Assad, que aliás foi professora dele e é a musa da primeira faixa do disco, “Badica”. “Maninha” continua com as homenagens, desta vez à sua irmã Thais, e foi composta em 2001.


Belas melodias, em músicas serenas, para tempos tão duros e de música pop de qualidade questionável. Elegia da Alma é uma brisa boa com solos dedilhados suavemente. Destaque especial pra a canção 'Naquele Tempo'.Elegia da Alma

01. Badica

02. Maninha

03. Cordel de Guilherme de Faria

04. Naquele Tempo (ver vídeo)

05. Helena

06. Saudades da Bossa

07. O Punhal

08. A Voz do Vento

09. Demasiado Tarde

10. A Morte de Pedro Missioneiro

11. Encantada

12. Ponte Aérea

13. Quando Danço com Seu Corpo

14. Rua das Estrelas Sírius

15. Elegia da Alma

16. O Velho Diálogo de Adão e Eva - Bônus