Comportamento

Saiba o que fazer para não se estressar durante uma viagem

Planejar e levar menos são algumas dicas

Agência O Globo

Viaja muito e não consegue lidar com o estresse? Confira aqui algumas dicas que podem lhe ajudar a curtir mais o momento, do que ficar chatead@:

Foto: Divulgação

Embale menos

Passei quatro meses e meio fora de casa com uma mochila pouco maior que uma mala de mão. Eu conheci homens e mulheres que embalam muito menos (a maioria da minha bagagem está relacionada ao trabalho). Se você está ausente há mais de uma semana, reserve algumas horas para lavar roupa ou alguns dólares para pagar por um serviço de lavanderia. Ser mais móvel é maravilhosamente libertador.

Planeje menos

Esta é outra dica aparentemente contraintuitiva, mas se você planejar menos, ficará menos estressado. Ter um itinerário por segundo pode parecer um presente, mas quando chegar lá, você vai se sentir apressado e ansioso para fazer sua próxima parada.

Claro, mantenha uma lista de coisas que você quer fazer, mas permita muita flexibilidade. Você não verá tudo, então aproveite o que puder e não se apresse. Menos planejamento permite que você permaneça por mais tempo nos lugares que gosta e saia mais cedo de lugares que você não curtiu.

Desacelere

Esta é difícil. Pode parecer uma praga mas me desculpe: encher 15 cidades em 14 dias vai te deixar infeliz. Eu tento passar pelo menos três dias em cada lugar. Isso lhe dá tempo suficiente para sentir e decidir se você quer ficar ou ir a outro lugar. Todo mundo tem seu próprio ritmo, mas se você estiver trocando de acomodações todos os dias, ficará exausto.

Mantenha seu telefone funcionando

Desligue o e-mail e as notificações do seu trabalho, mas mantenha o acesso à Internet. Google Maps, Google Translate, sites de reservas de viagens, além de aplicativos de mensagem para manter contato com as pessoas em casa, tudo estará ao seu alcance.

Instale os aplicativos certos

Eu só tenho um punhado do que eu chamaria de aplicativos de "viagem" que eu não posso ficar sem. O Google Maps e o Tradutor são óbvios. Ambos também trabalham em grande parte offline, se você baixar determinado conteúdo antes do tempo.

Reservas de aplicativos como Booking, Orbitz, Hostelworld e assim por diante também são úteis. Um serviço muito útil é o Rome2Rio. O aplicativo pode ajudá-lo a obter praticamente informação sobre chegar em qualquer lugar, por qualquer meio disponível: ônibus, balsa, trem ou avião. Ele oferece uma visão mais completa das opções de viagem disponíveis até mesmo do que o Google Maps.