Dia das Mães

Sem inspiração para o Dia das Mães? Veja cinco dicas para festejar a data

Pandemia e o isolamento social decorrente dela limitam, mas não eliminam opções

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

O isolamento social trouxe diversas limitações para quem imaginava, por exemplo, fazer uma grande viagem ou um almoço em um lugar especial no Dia das Mães. Em meio às dificuldades em fazer algo para tornar o dia especial, é possível chegar ao objetivo, mesmo sem sair de casa.

“As comemorações deste ano terão de ser em moldes diferentes de outras que já tivemos. Não será possível passar horas indo de loja em loja acompanhado da indecisão sobre qual presente levar ou levar a pessoa querida à um jantar surpresa no restaurante mais fino da cidade. Entretanto, não quer dizer que as celebrações não podem acontecer”, opina Uesley Lima, educador financeiro e fundador do Grupo The One. O especialista separou algumas dicas de como celebrar a data neste momento de pandemia.

Comércio Digital

“Comprar um presente online é a opção mais segura e prudente no momento, não perdendo a experiência de achar algo que seja a cara da sua mãe e poder olhar com calma todos os itens disponíveis” aponta o educador financeiro. Sem contar na variedade de lojas online que existem: em 2019 houve um aumento de 37% no número de comércio via internet, batendo o número de 1 milhão.

“Só não esqueça de higienizar a embalagem do produto após a chegada”, alerta.

Refeição especial

“Usar os recursos disponíveis em casa para contemplar as mães nesse dia também é uma alternativa, tanto em tempos de quarentena, como em tempos normais”. O importante é mostrar que nos lembramos delas e que separamos um tempo para fazer algo especialmente para desfruto delas.

Pode ser um café da manhã surpresa, um almoço, jantar ou lanche da tarde, de acordo com a preferencias dela. Outra ideia para complementar é ligar para outros familiares por facetime, Skype ou qualquer aplicativo e celebrar juntos a data.

Em uma pesquisa feita pelo portal Xataka, o aplicativo Facetime é o que implica menos gasto de dados móveis portanto a melhor opção para ver todos os entes e queridos e ficar mais próximo.

DIY

Em tradução literal, DIY (Do it yourself), significa faça você mesmo. Os presentes DIY também são uma excelente opção em tempos como o atual ou em tempos corriqueiros. Novamente, aqui o importante não é só o fato de ganhar algo material, mas também o fato de ter a intenção, a criação de um conceito e a elaboração de algo especial.

“É uma saída que usa recursos que se encontram em casa e que podem se metamorfosear em algo de grande significado. O segredo é pensar em algo que sua mãe poderá guardar e ter a sensação de amor e carinho”, afirma o especialista. As ideias são inúmeras, há de se contemplar o perfil de cada mulher e no que elas gostariam de receber.

Momentos especiais

“O dia das mães não é só sobre ganhar presentes. É sobre celebrar as mães e agradecê-las por tudo que fizeram e fazem. Portanto, proporcionar momentos especiais para elas guardarem para sempre na memória é uma ótima opção.”, pondera o fundador do grupo The One.

O clássico é fazer uma sessão de cinema em família, com direito a pipoca, champagne, cobertor e luzes apagadas. Se tiver crianças em casa, elas ainda podem animar e fazer ingressos de mentira e acomodar todo mundo das poltronas indicadas.

Os canais de streaming têm facilitado a diversão na quarentena: a Netflix anunciou que ganhou mais de 16 milhões de assinantes devido ao isolamento social, liderando a lista com 330% de crescimento, superando a recém lançada Disney + que teve o percentual de 290%.

Serviços pós-quarentena

Comerciantes e prestadores de serviço estão aderindo à ideia de vouchers para serem usados após o término da quarentena. A ideia é pagar agora e usar depois. Cada estabelecimento tem suas regras e condições para o uso, mas o conceito básico continua o mesmo.

Estúdios de massagem, salões de beleza e bares são os principais idealizadores do movimento, o qual é previsto para alcançar uma parcela ainda maior de setores.

Não é o ideal celebrar o dia das mães sem a possibilidade de sair de casa ou encontrar os familiares, disso todos sabemos, mas no momento o importante é a saúde e a vida. “Precisamos nos ajustar a esse dia das mães, para que o próximo possamos voltar a planejar esse dia tão especial, com todas as alternativas de celebração disponíveis.”, conclui o especialista”.