Nem Te Conto

Sobrinha de Gretchen se diz arrependida dos filmes pornôs que fez com a tia

Para quem não se lembra, a carreira de Carol na indústria pornográfica começou em 2008

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)

Carol Miranda ganhou os holofotes da imprensa quando foi apresentada à mídia como sobrinha da cantora Gretchen. No entanto, a morena agora quer passar uma borracha em seu passado.


Em entrevista ao R7 nesta terça-feira (08) a moça contou que se arrepende dos filmes pornográficos que fez ao lado da tia e da prima, a atriz e cantora Thammy Miranda.


"Fiz filmes adultos como a Grecthen e a Thammy e me arrependo muito", diz. De acordo com sua assessoria de imprensa, a dançarina continuará se apresentando apenas em shows de funk como DJ. Outra mudança que a moça também pretende fazer é em relação ao nome como costuma se apresentar. A partir de agora Carol Miranda quer ser reconhecida como Carol Shine.Veja também:

Rita Cadillac diz que foi estuprada pelo ex-marido e admite ter feito programas para sustentar o filho


Para quem não se lembra, a carreira de Carol na indústria pornográfica começou em 2008. Entre os títulos mais polêmicos estão: Fiz Pornô e Continuo Virgem e Perdendo o Selinho. Em 2009, juntou-se à atriz pornô Júlia Paes e a DJ Sabrina Boing Boing e formou o grupo musical Sexy Dolls, inspirado no grupo americano Pussycat Dolls.