E. C. Bahia

Titularidade e triunfo: os presentes que Léo Pelé quer do Bahia

Um dos mais simpáticos do elenco tricolor, o lateral-esquerdo completa 22 anos nesta terça

Vitor Villar e Bruno Queiroz, do Correio 24 horas

Um dos jogadores mais carismáticos do Bahia faz aniversário nesta terça-feira (6). Ele é querido pela torcida não pela titularidade em si, já que tem sido reserva do time, mas pela simpatia. O lateral-esquerdo Léo, também conhecido como Léo ‘Pelé’, completa 22 anos.

Mas o dia não será de folga e festa para ele. Muito pelo contrário: pela manhã, deu entrevista exclusiva ao CORREIO. De tarde, treina normalmente com os companheiros. E de noite, já inicia a concentração para o duelo com o Jequié, nesta quarta-feira (7), às 21h45, na Fonte Nova.

Lateral não descansou no dia do seu aniversário (Felipe Oliveira / EC Bahia)

“Até brinquei com minha esposa: existe a palavra ‘tritegral’ (fazendo trocadilho com triplo e integral)? Porque hoje vou dar entrevista, treinar e concentrar, né?”, brincou o lateral. “Mas a gente tem que agradecer por estar trabalhando, porque muita gente aí está precisando de um emprego, então posso comemorar depois”, completou.

Perguntado qual presente de aniversário gostaria de ganhar, Léo respondeu de imediato: “Um triunfo amanhã (quarta)”.

No último domingo (4), o carioca foi protagonista de um lance, no mínimo, inusitado. Foi ele quem cobrou o lateral que originou o primeiro gol do Bahia contra a Juazeirense, no triunfo por 2x1 de virada. Léo arremessou direto para dentro da área, onde o volante Júnior Gaúcho, do Cancão de Fogo, triscou sem querer na bola, desviando-a para o gol.

Léo ainda não sabe se será titular pelo terceiro jogo seguido, diante do Jequié. Mena ainda se recupera de uma lesão muscular e não tem presença confirmada.

Sabendo que a partida logo após o seu aniversário será na Fonte Nova, diante da torcida, o lateral só pensar em jogar: “Falei quando cheguei aqui que a torcida é massa, já vi como eles são apaixonados por futebol”, disse.

“Acho que eu e minha família viemos para o lugar certo. Estou muito feliz de ter minha família hoje comigo e jogar num grande clube”, finalizou.