Mundo

Tripulação esquece de manter pressão na cabine e aeronave faz pouso de emergência

Passageiros registraram em fotos e vídeos o momento marcado pelo nervosismo

Agência O Globo

Trinta passageiros de um voo operado pela companhia aérea indiana Jet Airways ficaram com ferimentos leves nesta quinta-feira após a tripulação ter esquecido de selecionar um interruptor para manter a pressão na cabine. Segundo o órgão regulador da aviação civil da Índia, as máscaras de oxigênio caíram logo após a decolagem da capital financeira de Mumbai, e a aeronave Boeing 737, com 166 passageiros, precisou fazer um pouso forçado.

As pessoas com ferimentos leves do voo 9W 697 sentiram dores de cabeça e tiveram sangramento do nariz ou dos ouvidos, informou a diretoria-geral da Aviação Civil em um comunicado.

A Jet Airways informou em um comunicado que o voo da manhã de quinta-feira havia voltado ao aeroporto de origem "devido à perda de pressão na cabine". A companhia lamentou a situação "inconveniente" causada a seus passageiros.

"A aeronave B737, com 166 convidados e 5 tripulantes, aterrissou normalmente em Mumbai. Todos os passageiros foram desembarcados em segurança e levados para o terminal. Primeiros socorros foram administrados a poucos passageiros que reclamaram de dor de ouvido e sangramento no nariz", afirma a nota da companhia aérea, que estaria cortando custos em uma disputa salarial com os pilotos.

Um porta-voz da Jet Airways disse que a tripulação foi afastada e que será aberta uma investigação.

Passageiros registraram em fotos e vídeos o momento marcado pelo nervosismo pouco depois da decolagem, em que as máscaras de oxigênio caíram. Um deles escreveu em uma rede social que "a segurança foi completamente ignorada" pela companhia aérea.

"Situação de pânico por um problema técnico no @jetairways 9W 0697 de Mumbai para Jaipur. O voo retorna a Mumbai após 45 minutos. Todos os passageiros estão bem, eu inclusive", postou um passageiro no Twitter.

Veja publicações: