Educação

Unirb inaugura nova sede e aproxima indústrias dos estudantes das engenharias

Engenharia Mecatrônica e Automotiva têm sido cada vez mais valorizadas com o crescimento das indústrias do setor

Publieditorial

O Centro Universitário UNIRB em 2019 contará com uma nova unidade em funcionamento para ampliar a sua oferta de cursos e atender cada vez mais estudantes na Bahia. O local escolhido para receber a sede da faculdade é Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, que é rodeada por indústrias. Entre os cursos que serão ofertados está o de Engenharia Automotiva, que possui duração de cinco anos e foi lançado pela faculdade há cerca de três meses, assim como o de Mecatrônica.

Unidade da UNIRB em Camaçari. (Foto: Kelvin Lima)

"Camaçari é uma região crescente na área de tecnologia, ela tem sido muito desenvolvida e tem feito essas áreas da Engenharia [Mecatrônica e Automotiva] se tornarem cada vez mais inovadoras. Estamos visualizando isso, porque há um mercado cativo na região", afirma o coordenador dos cursos de Engenharia na Unirb, Raul Martin.

O reitor da Unirb Carlos Joel Pereira acrescenta que o principal consumidor para o setor automotivo é o polo da Bahia: “o nosso projeto principal é levar os estudantes para essa fonte. A cidade de Camaçari tem cerca de 300 mil habitantes e tem o maior polo da América Latina funcionando lá. Vamos dar a oportunidade para que os estudantes coloquem em prática a teoria da sala de aula”.

Apesar de serem da mesma área, as graduações possuem diferenças importantes e seguem em crescimento no mercado. A Automotiva é mais associada com a de Mecânica, enquanto a Mecatrônica tem o fortalecimento da área da Eletrônica, visando as partes de controle e automatização.

"As áreas de engenharia estão oferecendo cada vez mais matrizes relacionadas à gestão. Nós, no entanto, estamos querendo envolver mais a área tecnológica. Esse é um mercado crescente e diferente. Cada vez mais esses profissionais vão precisar ir além da gestão, aprendendo, por exemplo, a parte de desenvolvimento de software e hardware. A nossa matriz tem esse cuidado", diz Raul Martin.


O coordenador também conta que a faculdade está negociando parcerias com indústrias presentes na região, facilitando a inserção de estudantes dentro das empresas. Raul acredita que a área que envolve automóveis está numa crescente, principalmente na parte que envolve tecnologia. "Essa linha de Mecatrônica nos automóveis vai crescer muito. A multimídia que tem nos carros já está exigindo cada vez mais dos engenheiros. Estamos visando parceria com a Ford e indústrias ligadas a ela", garante.

O curso de Engenharia de Automotiva está garantido na grade de cursos da nova sede em Camaçari. Os estudantes interessados na área e também na de Mecatrônica têm a oportunidade de cursá-los na unidade em Salvador. Eles contam com laboratórios específicos, como de termodinâmico, de física, química e mecânica.

"Estamos fazendo investimentos significativos nas montagens de laboratórios que gerem, inclusive, possibilidade de desenvolvimento de produtos. Entendemos que a grande dificuldade na Bahia é que o mundo acadêmico está muito distante da linha produtiva. Por isso, estamos fazendo essa integração entre elas”, afirma o reitor.