Mundo

Viola Davis homenageia vereadora executada: 'Viva Marielle e Anderson'

Atriz americana fez um post no Instagram em tributo à parlamentar do PSOL

Agência O Globo
- Atualizada em

A atriz Viola Davis publicou nas redes sociais uma homenagem à vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada a tiros na semana passada. A americana, engajada em ações pela igualdade de gênero e pelos direitos civis dos negros nos Estados Unidos, ressaltou a coragem da brasileira, "que lutou pelos direitos dos pobres nas favelas".

"Acabei de ouvir sobre essa corajosa mulher #MarielleFranco, que lutou pelos direitos dos pobres nas favelas. Estou de pé e lutando com vocês, Brasil. Viva Marielle e Anderson!!!", escreveu a estrela, que ganhou o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2017 pelo filme "Um limite entre nós", lançado no ano anterior.


Nos comentários, internautas elogiaram a iniciativa da artista. "Obrigado por postar, como uma brasileira-americana, enche meu coração saber que estamos todas juntas nisso", escreveu uma seguidora da atriz. "Admiro quem tem coragem de usar a visibilidade para o bem", exaltou outra. "Maravilhosa", elogiou uma terceira usuária da rede social.

Eleita uma das cem personalidades mais influentes do mundo pela revista "Time" em 2017, Viola Davis foi uma das muitas atrizes a se vestir de preto na cerimônia do Globo de Ouro deste ano, para protestar contra a desiguldade de gêneros e o assédio sexual na indústria de cinema de Hollywood. Este mês, ela anunciou que estará ao lado de Lupita Nyong'o no filme "The Woman King", inspirado numa general africana que liderava uma unidade militar totalmente formada por mulheres.

De janeiro a fevereiro deste ano, o documentário em série "Two-Sides", narrado por Viola, explorou os episódios de brutalidade policial contra os negros nos Estados Unidos.