E. C. Bahia

"Acertei pela grandeza", diz Danilo Pires sobre acordo com o Bahia

Junto com o atacante Edigar Junio, volante já está em Salvador e depende apenas de detalhes para ser anunciado

Bruno Queiroz (bruno.queiroz@redebahia.com.br)

O torcedor tricolor segue ávido por novidades. Após os anúncios de Hernane Brocador, Luisinho e Juninho, o clube está muito perto de confirmar o acerto com mais dois jogadores para a temporada. O atacante Edigar Junio, ex-Joinville, e o volante Danilo Pires, ex-Atlético-MG,  já estão em Salvador e dependem apenas de detalhes contratuais para ser oficialmente os novos reforços do Bahia. 

Ambos vêm de temporadas ruins em seus antigos clubes. Edigar Junio, 25 anos, chega emprestado pelo Atlético-PR, mas disputou a última Série A pelo Joinville e, em 13 jogos como titular, fez um gol. Em 2014, no entanto, foi um dos destaques na campanha do acesso do time catarinense, com 12 gols na Série B. 




Edigar Junio é atacante e disputou a Série A do ano passado pelo Joinville; fez só um gol (Foto: Divulgação/Joinville)


O acerto com o tricolor foi divulgado pelo empresário do atleta, Fabiano Gudjenian, via Twitter. Em sua conta pessoal, o agente informou, no dia 3 de janeiro, que estava viajando para a apresentação do cliente no Bahia, no dia seguinte.

A publicação, no entanto, foi excluída minutos depois, e o clube não se pronunciou sobre o assunto. Na terça-feira, foi a vez da noiva do jogador confirmar, também pelo Twitter, que ele estava no Fazendão trabalhando normalmente.

Já o volante Danilo Pires praticamente não jogou no ano passado. Atuou em dez partidas, sendo titular apenas em uma delas, no Campeonato Mineiro. Ganhou destaque em 2014, quando defendeu o Santa Cruz em 26 jogos na Série B e marcou sete gols.




Volante, Danilo Pires se destacou pelo Santa Cruz e estava no Atlético-MG (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)


Danilo confirma o acerto e explica o motivo de ter escolhido o Bahia em meio a outras propostas que afirma ter tido. “Estou acertando com o Bahia pela grandeza que tem. Além disso, tem um projeto de subir para a Série A”, diz o jogador, 23 anos, vinculado ao Santa Rita-AL, clube de empresários para onde o Bahia emprestou o zagueiro Ewerton. “Tive propostas do Santa Cruz, Coritiba e  Sport,  mas esperei um pouco mais e recebi a proposta do Bahia. Já conheço a grandeza do clube, torcida maravilhosa e espero trazer muitas alegrias esse ano”, prossegue Danilo Pires. 

Santa desiste de Maxi  
A diretoria do Santa Cruz desistiu da contratação do atacante Maxi Biancucchi. O motivo alegado pelo time pernambucano foi o alto custo do argentino aliado à incerteza sobre o bom rendimento. Maxi tem contrato com o Bahia até dezembro e iria emprestado para o Santa, com os dois clubes dividindo os salários do atacante de 31 anos.

Já o lateral-esquerdo Vítor, cujo contrato no Fazendão acabou e iria para o Inter de Lages, assinou com o Avaí.

*Colaborou Fernanda Varela

Correio24horas