E. C. Bahia

Bahia e Ceará se reencontram na final da Copa do Nordeste; saiba tudo sobre a partida

Confronto deste ano coloca o melhor ataque, o Bahia, com 20 gols somados na competição, contra a melhor defesa, a do Ceará, que sofreu apenas três gols

Redação iBahia

Nas últimas sete edições da Copa do Nordeste - de 2015 para cá - Bahia e Ceará fizeram a final da competição regional em três oportunidades. Em 2015 e 2020, o título foi para o time cearense. Agora, o Bahia tenta a revanche. O primeiro jogo do duelo será em Pituaçu, neste sábado (1), às 16h. O jogo de volta é no Castelão, no próximo sábado (8), no mesmo horário. O Ceará decide em casa por ter feito melhor campanha na primeira fase.

O jogo deste ano coloca o melhor ataque, o Bahia, com 20 gols somados na competição, contra a melhor defesa, a do Ceará, que sofreu apenas três gols. No ano passado, já durante a pandemia do novo coronavírus, os dois jogos aconteceram em Salvador justamente pelas restrições de circulação de pessoas. Mesmo jogando em casa, o Bahia perdeu as duas partidas para o Ceará. Agora, algumas pessoas mudaram no time, incluindo o comando técnico. Confira detalhes sobre as duas equipes:

Bahia

O Bahia chegou a mais uma final da Copa do Nordeste após empatar com o Fortleza e vencer a disputa de pênaltis no último sábado (24). O tricolor baiano está em boa fae na temporada. O time comandado por Dado Cavalcanti não perde há quatro jogos - contando também a Copa Sul-Americana - e tem mostrado mais solidez no seu esquema de jogo. 

Para esse jogo, o treinador segue sem poder contar com o goleiro Douglas, que testou positivo para a covid-19. Mas isso não chega a ser um problema. Isso porque na partida contra o Fortaleza o goleiro Matheus Teixeira foi o grande herói na disputa de pênaltis, pegando duas penalidades. Além disso, no jogo seguinte, contra o Guabirá na Sul-Americana, ele ainda pegou outro pênalti. 

Em relação ao time do ano passado, a dupla de zaga também é outra. Saíram Lucas Fonseca e Juninho e agora assumiram a titularidade Conte e Luiz Otávio. 

Além de Douglas, o outro desfalque é o lateral direito João Pedro, se recuperando de uma lesão muscular.

Com isso, o Bahia deve ir a campo com Douglas, Matheus Teixeira; Nino, Germán Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Daniel e Thaciano; Rodriguinho, Rossi e Gilberto.

Ceará

O Ceará não sabe o que é perder na Copa do Nordeste nesta temporada. Nem na temporada da passada. O atual campeão da região segue em boa fase e, neste ano, tem reforços que têm feito a diferença. Esses pontos fazem do alvinegro o favorito para a final. Além disso, o Ceará não perde para o Bahia desde 2018: são sete jogos de invencibilidade, sendo cinco vitórias e dois empates.

Entre os destaques do Ceará estão dois velhos conhecidos da torcida do Bahia: Vina e Steven Mendoza. Além, claro, do técnico Guto Ferreira. Para o jogo, o alvinegro não terá o lateral direito Gabriel Dias, expulso no jogo contra o Vitória pela semifinal.

O time titular do do Ceará deve ser: Richard; Buiú, Messias e Luiz Otávio; Bruno Pacheco; Oliveira, Charles; Vina, Lima (Saulo), Mendoza; Felipe Vizeu