E. C. Bahia

Bahia joga mal, mas vence o Jacuipense por 2x1 e desencanta

Os gols do tricolor na partida foram marcados por Vinícius e Tiago

Bruno Queiroz, do Correio 24h

A atuação esteve longe de agradar, mas certamente o torcedor tricolor saiu aliviado da Fonte Nova. Após duas derrotas consecutivas, o Bahia finalmente venceu a primeira partida na temporada. Vinícius e Tiago marcaram os gols do triunfo e Danilo Rios, cria do Fazendão, descontou para o Jacuipense. 

O início de jogo foi de um futebol muito pobre das duas equipes. Com pouca criatividade e dificuldades claras para construir jogadas, o Bahia apostava na velocidade dos seus meias e laterais pelos lados do campo. Na esquerda, a dobradinha era entre Léo e Mena e, na direita, Nino e Elber faziam a outra parceria.

Edigar Junio deu passe para primeiro gol do tricolor na partida (Foto: Betto Jr/CORREIO)

Na primeira  oportunidade, Elber foi lançado dentro da área e tentou o chute cruzado, mas mandou pra fora. Aos 27 minutos, Elton aproveitou o erro na saída de bola da Jacuipense e iniciou a jogada do primeiro gol. Edigar Junio deu bom passe para Vinicius driblar o goleiro em velocidade e fazer 1x0. 

Bastante acionado pelo lado direito, Elber foi protagonista de outra boa jogada quando tentou o cruzamento rasteiro para Edigar, que a zaga por pouco não marcou contra. Aos 35, no entanto, em mais um erro individual, algo que tem sido recorrente neste início de temporada, Tiago cometeu pênalti no atacante Felipe Costa. 

O ex-tricolor Danilo Rios, de volta à Fonte Nova após 11 anos, bateu com categoria para empatar, deslocando Douglas. Pela falha, Tiago recebeu até algumas vaias da arquibancada, que depois foram até cobertas por aplausos. A redenção mesmo veio aos 44, quando o capitão cabeceou bonito para fazer 2x1, após cruzamento perfeito do estreante Nino Paraíba. 


Tudo na mesma 

As equipes voltaram do intervalo em ritmo mais lento. O Jacuipense foi o primeiro a assustar em cobrança de falta de Danilo Rios, que passou perto do gol. O tricolor respondeu em bom contra-ataque puxado por Vinicius. O meia tabelou com Mena e recebeu em boas condições dentro da área, mas demorou de finalizar e foi interceptado pelo zagueiro. 

Em outro contra-ataque dessa vez puxado por Edigar Junio, o camisa 11 tinha a opção de servir João Pedro na direita, ou Vinicius na esquerda, mas preferiu decidir sozinho e mandou para fora. A partir daí, Guto fez algumas trocas no time. João Pedro já havia entrado no lugar de Nino, que sentiu o tornozelo, e Zé Rafael e Junior Brumado substituíram Elber e Edigar Junio, mas o placar se manteve.

No sábado (27), às 17h, em Pituaçu, o Bahia recebe o Fluminense de Feira, mais uma vez pelo Campeonato Baiano. Já na próxima terça-feira (30), às 21h45, visita o Altos, no Piauí, pela segunda rodada da Copa do Nordeste.