E. C. Bahia

Gregore sobre pegar o Santos, seu ex-time: 'não tem peso nenhum'

Volante do Bahia jogou os últimos anos pelo Peixe, mas conhece pouco o time

Vitor Villar, do Correio 24 horas

Gregore poderia ser uma arma importante do Bahia para o duelo com o Santos, no sábado (21), às 16h, na Fonte Nova. Afinal, o volante de 24 anos jogava na Vila Belmiro até o início deste ano, e poderia conhecer bem os jogadores do Peixe.

O curioso é que Gregore pouco jogou pelo time profissional do alvinegro, e por isso a partida será como qualquer outra para o volante. “Conheço os jogadores como todo mundo, de ver na televisão. Joguei no time b de lá, também não treinei muito no profissional”, confessa ele.

Gregore vai disputar seu segundo jogo na Série A (Felipe Oliveira / EC Bahia)

Gregore tem apenas uma partida pelo time principal do Peixe, em 2016, pela Copa do Brasil. No ano passado, disputou o Campeonato Brasileiro de Aspirantes, com o time sub-23 santista. Antes, ele jogou apenas nas divisões inferiores do Campeonato Paulista.

A derrota do último domingo, por 2x0, para o Internacional, foi o primeiro jogo de Gregore na Série A. “Queria ter estreado com uma vitória, né? Infelizmente não aconteceu, mas foi muito bom para mim. Agora é continuar evoluindo dentro do Brasileiro”, disse.

Apesar da pressão de dar seus primeiros passos na Série A e enfrentar o seu ex-time, Gregore se diz à vontade para a partida. “Não tem peso nenhum, é um peso normal de enfrentar qualquer outra grande equipe. O Bahia é muito grande, temos que valorizar nosso clube”.

Treino

Na tarde desta quinta-feira (19), o técnico Guto Ferreira treinou com os portões fechados para a imprensa. Antes, o grupo assistiu a vídeos com informações sobre o Santos. Depois, participou de um treino tático para aplicar alguns ensinamentos.

O zagueiro Lucas Fonseca treinou normalmente com bola e está à disposição do treinador. O também zagueiro Jackson deu sequência à recuperação de sua lesão num treino em especial, separado dos demais.