E. C. Vitória

Perguntado sobre 'pressão' no comando, Chamusca se irrita durante coletiva

"É uma piada essa pergunta", respondeu o treinador rubro-negro

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A temperatura subiu na Toca do Leão na tarde desta sexta-feira (15). O treinador do Vitória, Marcelo Chamusca, deu sua primeira entrevista coletiva após a eliminação do time para o Moto Club, na primeira fase da Copa do Brasil. Ao ser perguntado se já existe uma "pressão" no comando do time, Chamusca se exaltou.

(Maurícia da Matta / EC Vitória)

"É uma piada essa pergunta. Me perguntar isso agora não tem fundamento nenhum. Respeito a pergunta, mas não vou responder. Diga-se de passagem foi o primeiro jogo que perdi no Vitória. E esse grupo de atletas vinha de três vitórias e um empate no clássico. Então é muito cedo para tratar de um assunto como esse", disse o treinador.

Chamusca continou irritado e afirmou que a eliminação foi um acidente durante a caminhada do Leão. "O time não teve um rendimento satisfatório e era um jogo eliminatório, então fomos eliminados de uma competição importante. Por causa disso vai se soltar uma bomba aqui e acabar com tudo o que foi construído em um mês? Desculpa, mas são situações absurdas de responder num momento como esse, em que estamos montando um time novo, com uma comissão técnica nova", finalizou.

O próximo compromisso do Vitória é no sábado (16), contra o Ceará, pela Copa do Nordeste, no Barradão.