Empregos

Projeto 'Afro-Moda em Rede' abre 240 vagas gratuitas para capacitação de mulheres

Podem participar jovens mulheres entre 16 e 24 anos residentes em Salvador

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

 Estão abertas, até esta sexta-feira (3), as inscrições para participar do "Afro-Moda em Rede". Fruto do convênio firmado entre o Parque Social e a Fundação Banco do Brasil, o projeto tem como objetivo capacitar gratuitamente jovens mulheres entre 16 e 24 anos, residentes em Salvador, para atuarem como empreendedoras digitais.

Ao todo serão disponibilizadas 240 vagas. Para participar da iniciativa, é necessário preencher o formulário disponível no site do programa. As selecionadas devem ter flexibilidade de horário para participar de aulas práticas e teóricas, com duração de 4h, ministradas três vezes por semana no período de janeiro a agosto de 2022. 

O conteúdo programático do programa do "Afro-Moda em Rede" contém disciplinas como autoestima e empoderamento feminino, moda e expressão artística, oratória e expressão oral, plano de negócios, planejamento financeiro e marketing de negócios. As aulas abordam também redação publicitária, introdução à informática básica e às redes sociais, projetos de negócios digitais, fotografia digital, e-commerce e monetização de negócios digitais.

Com a finalidade de fomentar a criação e aprimoramento de empreendimentos já iniciados pelas participantes, o projeto deve produzir 40 negócios digitais de moda afro, a exemplo de lojas on-line e aplicativos, alguns dos quais serão acelerados pela IN Pacto, incubadora do Parque Social, em parceria com a Prefeitura de Salvador.