Empregos

Sem neuras: aprenda a tirar máximo proveito da entrevista de emprego

Muitos candidatos ficam preocupados com o que o recrutador pode achar se fizer algumas perguntas na entrevista

Redação Catho

A entrevista de emprego é uma oportunidade essencial na tomada de decisão, mas não apenas para o recrutador e o gerente da área. Lembre-se que a entrevista também é uma excelente oportunidade para você entender e validar se a empresa atenderá suas expectativas profissionais.

Independente se você estiver participando de uma entrevista de emprego formal no escritório da empresa ou de uma conversa informal com o responsável pela contratação em um almoço ou café, aproveite o tempo da entrevista para esclarecer se a vaga está alinhada atuação que deseja, se a empresa atenderá aos seus requisitos de crescimento e se oferecerá o ambiente de trabalho adequado.

Muitos candidatos ficam preocupados com o que o recrutador pode achar se fizer algumas perguntas na entrevista. Como recrutador posso afirmar que não me incomoda o conteúdo da pergunta, mas sim a forma como o candidato a faz. Se você for sincero, consciente e educado, as suas perguntas não causarão problemas.

Foto: reprodução
Porém, se você perguntar com ironia, agressividade, desdém ou, até mesmo, tentando testar o recrutador, você estará dando adeus ao processo seletivo. Recrutadores costumam ter anos de experiência na análise da comunicação verbal e não verbal e sabemos que realizar perguntas desta forma remetem a uma postura não muito esperada no trabalho.

Tendo em vista estes cuidados, vamos a alguns pontos importantes para você poder tirar o máximo proveito da próxima entrevista que participar:

Analise previamente o que deseja do trabalho

Você precisa fazer a lição de casa antes de ir para a entrevista. É fundamental pensar sobre quais são as atividades profissionais que deseja realizar, qual o salário mínimo que está disposto a aceitar, quais os benefícios mais importantes para você, quais suas expectativas de crescimento ou estabilidade e qual o perfil da empresa e da liderança você mais gosta.

Sem essa análise prévia é muito fácil se perder ao longo da entrevista e acabar aceitando uma proposta de trabalho que pode gerar problemas em alguns meses.

Faça as perguntas e esclareça suas dúvidas
Tire proveito da entrevista para fazer perguntas que detalhem melhor o cenário de trabalho. Por exemplo, você pode perguntar como é o ambiente físico de trabalho, quais os critérios utilizados para promoção e quanto tempo uma pessoa que entrou com este cargo demora para se tornar gerente na empresa.



Acredito que o maior problema neste ponto não são os detalhes que deseja esclarecer, mas a forma como questionará. Se você fizer as perguntas de forma natural, com real interesse em conhecer mais sobre a empresa e de forma educada, você só ganhará pontos!

Reflita, esta vaga é para você?

Sei que você pode estar em uma condição de não poder escolher muito o emprego. E se estiver nesta condição, tudo bem. Mas se você for um profissional diferenciado, com resultados relevantes na carreira e que demonstra comprometimento com as empresas em que trabalha é sua obrigação avaliar a vaga.

Sem fazer esta análise você pode se jogar em uma armadilha e quem mais vai sofrer neste processo será você. Portanto, pergunte-se: “eu trabalharia nesta posição, nesta empresa e com esta liderança com engajamento e disposição pelos próximos anos?”. Se a resposta for não, pense com muito cuidado se realmente vale a pena aceitar a proposta de trabalho.

Preste atenção e faça a sua análise durante a entrevista!
Cuidando de alguns detalhes você, certamente, poderá evitar armadilhas profissionais e encontrar um emprego que favoreça e desenvolva a sua carreira.