Empregos

Telebras abre concurso com mais de 1.180 vagas; veja como participar

As vagas são para níveis médio e superior

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Estão abertas as inscrições para o concurso da Telebras (Telecomunicações Brasileiras S.A.). Ao todo, são 1.181 vagas, sendo 9 imediatas e 1.172 para cadastro reserva. Os aprovados irão trabalhar nas cidades de Brasília e Rio de Janeiro. 

Quem possui nível médio, pode concorrer para para o cargo de técnico em gestão de telecomunicações em duas ocupações: assistente administrativo (40 postos para cadastro reserva) e assistente técnico (80 vagas para cadastro reserva). O salário é de R$ 3.305,23.

Já as oportunidades com exigência de cursos superior são para especialista em gestão de telecomunicações e pagam R$ 8.766,57. Há ofertas para advogado (100 vagas para cadastro reserva), contador (1 posto imediato + 51 vagas para cadastro reserva), engenheiro aeroespacial (30 vagas para cadastro reserva), engenheiro civil (60 vagas para cadastro reserva), engenheiro eletricista ou eletrônico (100 vagas para cadastro reserva), engenheiro de redes (2 imediatas + 100 vagas para cadastro reserva), engenheiro de telecomunicações (3 imediatas + 153 vagas para cadastro reserva) e analista em 8 ocupações: tecnologia da informação (100 vagas para cadastro reserva), administrativo (1 imediata + 101 vagas para cadastro reserva, auditoria (1 imediata + 21 vagas para cadastro reserva), comercial (1 imediata + 121 vagas para cadastro reserva), estatística (25 vagas para cadastro reserva), finanças (30 vagas para cadastro reserva), marketing (30 vagas para cadastro reserva) e psicologia (30 vagas para cadastro reserva).

Inscrições
As inscrições para o concurso vão até às 18h do dia 27 de dezembro, através do site da Cebraspe. As taxas custam:

  • R$ 70 (ensino médio);
  • R$ 97 (superior).


Em caso de dúvidas, os candidatos podem obter mais informações com a banca por dois canais de comunicação da Cebraspe:

  • telefone (61) 3448-0100;
  • e-mail sac@cebraspe.org.br.


Provas

As provas estão agendadas para o dia 20 de fevereiro de 2022. A avaliação objetiva terá 120 questões do tipo "certo" ou "errado" sobre conhecimentos básicos e específicos. Na mesma data, os concorrentes aos cargos de especialista também realizarão prova discursiva que consistirá em uma redação dissertativa com até 30 linhas.

Os convocados para análise de títulos, etapa prevista apenas para vagas de nível superior, poderão apresentar comprovantes de experiência profissional, além de certificados e diplomas de:

  • especialização (a partir de 360 horas);
  • mestrado;
  • doutorado.


A seleção terá validade de dois anos, a contar da homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da estatal, conforme estabelece o edital. As informações são da JC Concursos.