Música

Adele cancela últimos shows da turnê por problemas nas cordas vocais

"Tive de me esforçar muito mais do que normalmente faço", disse a cantora, depois de insinuar que essa pode ter sido sua última turnê

Redação do Correio 24 Horas
A cantora Adele cancelou os dois últimos shows de sua turnê por problemas nas cordas vocais. Os shows, no sábado e domingo, seriam no Wembley Stadium, em Londres, onde ela se apresentou na quarta (28) e na quinta (29).
Em comunicado divulgado nas redes sociais, a cantora afirma que "as últimas duas noites em Wembley foram os maiores e melhores shows da minha vida", mas em ambas sentiu problemas com a voz.

Tive de me esforçar muito mais do que normalmente faço. Me sentia como se tivesse de constantemente limpar minha garganta, especialmente ontem. Fui visitar meu doutor de garganta nesta tarde porque minha voz não abria de forma alguma e parece que danifiquei minhas cordas vocais", escreveu a inglesa.
Ela afirma que decidiu cancelar os shows e não sabe se eles serão remarcados no futuro. O cancelamento acontece em meio a rumores de que essa pode ter sido a última turnê de Adele. Durante um dos shows em Londres ela afirmou "não se dar muito bem com isso". "Queria que meus últimos shows fossem em Londres porque não sei se alguma vez voltarei a fazer outra turnê, logo, gostaria que a última vez fosse em casa", disse a cantora.
Despedida em Londres
Os quatro shows em Wembley marcavam o fim da turnê mundial de 18 meses de Adele com o disco "21", pelo qual venceu o Grammy. Ela passou por Europa, América do Norte, Austrália e Nova Zelândia. A cantora bateu um recorde em Los Angeles, esgotando ingressos para oito shows consecutivos no Staples Center.
As apresentações em Londres serviriam também para arrecadar fundos para as vítimas do incêndio que destruiu a Grenfell Tower, em Londres.