Música

Aniversário do mestre: Confira onze sucessos de Gilberto Gil

O cantor completou 75 anos nesta terça-feira (26)

Redação iBahia (redacao@ibahia.com.br)
- Atualizada em

Em comemoração aos 75 anos de Gilberto Gil, o iBahia selecionou onze grandes sucessos do cantor.

1. Domingo no Parque
Esta canção garantiu o segundo lugar da edição de 1967 do Festival de Música Popular da TV Record. Na ocasião Gil apresentou a música do lado do grupo Mutantes. A música foi lançada no álbum “Gilberto Gil” (1968) e o artista utilizou referências de cultura musical baiana para contar a história de José e João com um tom cinematográfico.



02. Madalena
Composta em parceria por Isidoro, a canção faz parte do álbum “Barra 69”, fruto de apresentação do Gil e Caetano em 1969.



03. Aquele Abraço
A música começou a ser idealizada após Gilberto Gil ter saído da prisão durante a ditadura e ter visitado a mãe de Gal Costa em Salvador e estava prestes a sair do Brasil. A expressão “aquele abraço, Gil” era usada pelos soldados do quartel quando saudavam o músico. A canção foi lançada em 1969, no álbum “Gilberto Gil”.



04. Lamento Sertanejo

Composta por Gilberto Gil e Dominguinhos e lançada em 1975, no disco “Refazenda”, está canção ilustra de forma poética a rotina do sertanejo. Considerada um hino do nordestino, a música possui mais de 20 versões cantadas por diversos artistas brasileiros.



05. Toda Menina Baiana
De acordo com o cantor, esta música foi composta para a filha Nara Gil, que na época estava na pré-adolescência.  “Fala do caráter fundador da Bahia e das virtudes e defeitos do homem”, contou. A música faz parte do repertório do álbum “Realce”, de 1979.



06. Drão
A canção foi composta para a ex-mulher de Gilberto Gil, Sandra, que tinha o apelido de Drão. Segundo o cantor, a música apresentou muitos graus de dificuldade para ser composta. “Ela lidava com um assunto denso - o amor e o desamor, o rompimento, o final de um casamento”, explicou o artista. A música faz parte do disco “Um Banda Um”, de 1982.



07. Andar com Fé
Composta em 1982, a canção traz um assunto que permeia a vida da maioria das pessoas: a fé. De acordo com Gilberto Gil, o uso do ‘faiá’ é intencional. “’Faiá’ é coração, ‘falhar’ é cabeça, e fé é coração”, explicou o cantor. A música integra o repertório do álbum “Um Banda Um”.



08. Vamos Fugir
Quem nunca cantou esse reggae de Gilberto Gil? Essa música, lançada no disco  “A Raça Humana”, de 1984, já integrou o repertório de mais de 10 artistas brasileiros.



09. Nos Barracos Da Cidade
Composta por Gilberto Gil e Liminha, a música integra o disco “Dia Dorim Noite Neon”, lançado em 1985. Embalado por um ritmo de reggae, o artista traz uma letra engajada com duras críticas políticas e sociais.



10. Estrela
Cantada pela primeira vez por Gilberto Gil no disco “Quanta” (1997) está canção que já embalou e marcou a vida de vários corações apaixonados.



11. Não Tenho Medo da Morte
Em 2008, Gilberto Gil mostra que nunca é tarde para inovar e lança uma música sobre um tema que aflige a humanidade: a morte. A canção faz parte do repertório do disco “Banda Larga Cordel”.