Música

Após 'revisar relação', Sony Music anuncia término do contrato com DJ Ivis

Além da gravadora, outras empresas do ramo da música já tomaram providências em relação ao vínculo com o cantor, que foi preso na quarta-feira

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A Sony Music anunciou nesta sexta-feira (16) que DJ Ivis não faz mais parte do elenco da gravadora. Na terça (13), a gigante musical havia informado que estava "revendo a relação" com o cantor, que agrediu a ex-mulher Pamella Holanda

"A Sony Music Brasil decidiu terminar o contrato com DJ Ivis e ele não fará mais parte do nosso elenco", disse comunicado postado no Twitter da gravadora.

Além da Sony, outras empresas do ramo da música já tomaram providências em relação ao vínculo com o cantor, que foi preso na quarta-feira (14). O Spotify e a Deezer, dois dos principais serviços de streamings musicais, tiraram do ar todas as músicas com o DJ Ivis das próprias playlists editoriais, por exemplo. 

E Xandy Avião, dono da produtora Vybbe, responsável por gerenciar a carreira de DJ Ivis, no domingo (11), dia em que os vídeos das agressões se tornaram públicas, publicou um vídeo dizendo que o artista não continuará na empresa. Além disso, artistas que tinham músicas a ser lançadas com o cantor, como é o caso de Latino, cancelaram os lançamentos.