Cinema

CachoeiraDoc anuncia filmes vencedores da Mostra Competitiva

Festival de documentários segue até este domingo (7), em Cachoeira

Redação iBahia (agenda@portalibahia.com.br)
O V CachoeiraDoc – Festival de Documentários de Cachoeira divulgou, na noite deste sábado (6), o resultado da premiação da Mostra Competitiva. Por complexificar a ideia de representação do cinema, os documentários 'Branco sai, preto fica', de Adirley Queirós, e 'A vizinhança do tigre', de Affonso Uchoa, foram escolhidos pelo Júri Oficial na categoria Melhor longa-metragem.
'Branco Sai, Preto Fica' dividiu o prêmio de Melhor Longa Metragem com o filme 'A Vizinhança do Tigre'
Esta é a primeira vez em que há um empate na decisão do Júri Oficial, que também premiou o filme 'E', de Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos, como Melhor curta-metragem. O curta documentário 'Caixa d'água: qui-lombo é esse?', de Everlane Moraes' garantiu Menção Honrosa à diretora nascida em Cachoeira. Além do curta de Everlane, o documentário 'Karioka', de Takumã Kuikuro também teve Menção Honrosa.'Branco sai, preto fica' foi escolhido na categoria Melhor longa-metragem também pelo Júri Jovem, que premiou ainda 'Caixa d'água: qui-lombo é esse?' e 'E' como Melhor curta-metragem e Menção honrosa, respectivamente. Os vencedores receberam o troféu criado por Louco Filho que presta homenagem às irmãs da Irmandade da Boa Morte.

A 5ª edição do CachoeiraDoc acontece até este domingo (7), no Cine Teatro Cachoeirano, em Cachoeira. A programação deste domingo exibe os filmes premiados na Mostra Competitiva, às 15h30, além dos documentários 'Já visto, Jamais Visto', de Andrea Tonacci, que será exibido às 14h, e Dominguinhos, de Mariana Aydar, Eduardo Nazarian, Joaquim Castro, às 19h30, Praça Teixeira de Freitas.

Confira a lista dos filmes premiados:
Júri Oficial
Melhor longa-metragem: 'Branco sai, preto fica', de Adirley Queirós, e 'A vizinhança do tigre', de Affonso Uchoa
Melhor curta-metragem: 'E', de Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos
Menção honrosa: 'Caixa d'água: qui-lombo é esse?', de Everlane Moraes, e 'Karioka', de Takumã Kuikuro
Júri Jovem
Melhor longa-metragem: 'Branco sai, preto fica', de Adirley Queirós
Melhor curta-metragem: 'Caixa d'água: qui-lombo é esse?', de Everlane Moraes
Menção honrosa: 'E', de Alexandre Wahrhaftig, Helena Ungaretti e Miguel Antunes Ramos