Cinema

Confusão, gritaria e um Adam Sandler perfeito em ‘Joias Brutas’

Filme é uma das excelentes novidades da Netflix para 2020

Heyder Mustafá* ((heyder.mustafa@redebahia.com.br))
- Atualizada em

Esqueça aquele ator conhecido por dar vida a personagens bobos de comédias sem graça. Não é de agora que Adam Sandler vem mostrando que pode muito mais do que sempre apresentou, mas desta vez ele se superou. No mais novo projeto dos irmãos Benny e Josh Safdie, ‘Joias Brutas’, o veterano mostra toda sua versatilidade na arte de atuar, entrega um protagonista irretocável e começa a se afastar da pecha de só fazer filmes de qualidade duvidosa.

No longa produzido pela Netflix, Sandler interpreta Howard Ratner, um trambiqueiro de marca maior com uma vida complicadíssima para administrar. Sempre na corda bamba, ele tenta gerenciar o vício em apostas, sua relação extraconjugal, as dívidas que faz com agiotas, sua joalheria em Manhattan e a venda de uma pedra preciosa ainda em estado bruto vinda da Etiópia escondida dentro de um peixe. Daí você tira o nível de trambique! O ator se entrega ao papel. Sandler é visceral e convence o público do primeiro ao último minuto da projeção.

O filme, por si só, é uma avalanche, uma explosão sensorial, que vai do neon das roupas, passando pelas inconfundíveis fachadas das lojas nova-iorquinas filmadas de forma acelerada, ao barulho dos diálogos às vezes incompreensíveis. Essas, inclusive, já se tornaram marcas dos irmãos Safdie, que bebem da fonte de Martin Scorsese e são assumidamente fãs do genial diretor. Em alguns momentos chega a ser impossível compreender as conversas dos personagens, mas pouco importa o que eles dizem e sim o contexto da ação e a forma como a situação é exposta.

Mais do que um excelente filme, ‘Joias Brutas’ é uma experiência sensorial fabulosa. Analisando friamente, a história é fraca, mas ganha uma força inexplicável por conta de sua concepção. Frenético, alucinante e veloz, o longa consegue ser coerente do começo ao fim e ainda entrega um desfecho surpreendente. Simplesmente imperdível!

Lembrado por história toscas como ‘Pixels’ e ‘Gente Grande’, Sandler encontrou nesse projeto seu melhor papel na carreira e provou, de uma vez por todas, que Hollywood por contar com sua estrela para todo tipo de roteiro. Se desvencilhar de uma má fama é uma tarefa difícil na indústria de cinema, mas parece que o veterano ator está mais do que empenhado nessa missão.

Heyder Mustafá é jornalista e produtor cultural formado pela UFBA, editor de conteúdo da GFM e Bahia FM, apresentador do Fala Bahia e apaixonado por cinema, literatura e viagens.