Música

Daniela Mercury e Caetano Veloso falam de censura em novo single

'Proibido o Carnaval' é a nova música dos artistas, que será lançado nesta sexta-feira (25)

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Caetano Veloso e Daniela Mercury se juntaram para fazer uma ação carnavalesca sobre o momento político que o Brasil passa. 'Proibido o Carnaval' é o novo single dos artistas, que será lançado nesta sexta-feira (25).

Foto: Divulgação
Na letra da música, os cantores falam sobre a liberdade, para que as pessoas não tenham medo de falar, nem de se posicionar quanto a sua orientação sexual. "Abra a porta desse armário; que não tem censura pra me segurar; abra a porta desse armário; que alegria cura; venha me beijar", dizem eles. 

O hit, composto por Daniela, foi proibido há quatro anos, mas voltou a ganhar proporção após os protestos ultraconservadores contra exposições e performances no país. As coisas estão acontecendo. É uma tentativa de proibir o que não pode ser proibido, o que a gente lutou tanto para libertar", disse Daniela em entrevista à Folha de S. Paulo. 

Dois dos maiores representantes da música feita na Bahia mundo afora, Caetano Veloso e Daniela Mercury se juntaram para fazer uma espécie de reação carnavalesca ao momento político pelo qual o país passa. 

"Abra a porta desse armário/ Que não tem censura pra me segurar/ Abra a porta desse armário/ Que alegria cura/ Venha me beijar", dizem os cantores em um dos trechos de País do Carnaval, single inédito que será lançado nesta sexta-feira (25), mas que já teve trechos divulgados na internet. 

De acordo com o Correio, a canção terá um clipe multicolorido, que foi gravado esta semana no Fera Palace Hote, em Salvador. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a produção mobilizou 14 bailarinos e 12 modelos para integrar canto e dança, dentro do estilo dos desfiles da cantora nos trios elétricos.