Séries

'Disque Amiga para Matar' pede uma maratona daquelas

Série mistura suspense, comédia e muita ironia

Heyder Mustafá* (heyder.mustafa@redebahia.com.br)
- Atualizada em


Para quem curte séries, não tem coisa melhor do que descobrir que todas as apostas sobre o fim da história caem por terra quando reviravoltas acontecem e segredos são revelados no meio da maratona. É bem isso que você vai encontrar em ‘Disque Amiga para Matar’, a nova produção da Netflix. Tudo na trama é inusitado: desde o relacionamento das protagonistas à mistura precisa de suspense e comédia, com leves e bons toques de ironia. A receita certa faz qualquer curioso grudar na tela até o fim da história.



Parte do sucesso da atração se deve às excelentes interpretações de Linda Cordellini e Christina Applegate. Ambas fazem Judy e Jen terem uma interação perfeita, essencial para fazer acontecer a rapidez impressa no roteiro muitíssimo bem desenvolvido. Nem mesmo nos momentos mais dramáticos a série deixa de fisgar a audiência. Aqui, uma fala puxa outra com a velocidade típica de um bom e velho sitcom, na pegada Friends. Não dá para perder um detalhe sequer.



Os dez episódios, cada um com cerca de 30 minutos, podem ser devorados em doses homeopáticas, mas duvido que você consiga parar e deixar o próximo para depois. Uma dica? Favorite ‘Disque Amiga para Matar’ na sua lista e assista a essa novidade o quanto antes.

*Heyder Mustafá é jornalista e produtor cultural formado pela UFBA, editor de conteúdo da GFM e Bahia FM, apresentador do Fala Bahia e apaixonado por cinema, literatura e viagens.