Música

'Eu quero ver gente no telhado', diz Paulinha Abelha sobre show em Salvador

Com formação original, grupo se apresenta em um shopping da capital nesta quarta-feira (22)

Priscila Morais* (priscila.morais@redebahia.com.br)
- Atualizada em

Nesta quarta-feira (22), a banda Calcinha Preta participou do Fuzuê Acústico da Bahia FM. O grupo de forró, que começou em 1995, ganhou uma novidade recentemente. Após 10 anos, Daniel Diau retornou ao grupo e, meses depois, Silvânia e Paulinha também decidiram voltar a fazer parte do conjunto. O trio divide os vocais com Ana Gouveia e Bell Oliver. 

Foto: Reprodução | Bahia FM

E para marcar esse momento especial, a banda Calcinha Preta se apresenta no Salvador Norte Shopping nesta quarta-feira (22), a partir das 19h. O evento é aberto ao público. Sobre o encontro com os fãs da capital baiana, eles se mostraram entusiasmados. "Bom demais", disse Daniel. "Como não amar? Eu quero ver gente no telhado", brincou Paulinha. 

Durante o bate-papo na Bahia FM, a Calcinha, claro, não poderia deixar de falar da música 'Você Não Vale Nada', que virou febre na novela 'Caminho das Índias', em 2009, com a personagem Norminha, interpretada por Dira Paes. "Foi um estouro mundial. Graças a Deus. Muita gente criticou, muita gente disse que só fez sucesso por causa da novela. Não! Só fez sucesso porque Deus foi lá e disse: a hora da Calcinha Preta é agora. A gente também gravou outra música em 2015 para uma novela e não teve a mesma repercussão que 'Você Não Vale Nada'. Então isso prova que foi um presente de Deus naquele momento pra Calcinha Preta", afirmou Bell. 

A banda se mostrou ser muito unida ao longo da entrevista e Silvânia chegou a pontuar que a aproximação com Ana Gouveia foi muito importante para ela, principalmente no período em que Paulinha esteve afastada. "Foram momentos maravilhosos que passei ao lado da minha galega. Eu falo que ela é minha filha, minha amiga, minha irmã. Ela sabe de tudo isso. Ela sabe que eu a amo muito", disse Aquino, emocionada. 

A cantora ainda brincou ao afirmar que sente uma inveja 'branca e cinza' da amiga por não conseguir chegar ao tom de uma canção: "eu tenho inveja. Não vou mentir. Eu falo assim que a branca eu amo muito e a cinza é porque eu tenho uma raiva que não consigo fazer. Ela canta e a voz é pura. Eu canto muito no falsete, eu engano muito vocês". 

Não acompanhou o ao vivo? Confira:


* Sob supervisão do repórter Guinho Santos