TV

Kéfera fala sobre a estreia em novelas: 'é outro ritmo'

Personagem de Kéfera será ex-namorada de Alain (João Vicente de Castro), diretor do longa que será rodado na história

Patrícia Kogut, da Agência O Globo

Famosa na internet, Kéfera fará sua estreia na TV em "Espelho da vida", próxima novela das 18h da Globo. Ela interpretará Mariane, uma atriz. Logo no primeiro dia de gravações, precisou encarar cenas de ação:

- Era uma sequência bem tensa de perseguição, muito importante para a história. Mas o retorno da equipe foi positivo. O Pedrinho (Pedro Vasconcelos, diretor da trama) disse que as pessoas se surpreenderam comigo. Demorei para assistir à cena pré-editada e, quando vi, pulei e berrei de felicidade. Ficou muito bonita. A fotografia da novela está linda. Parece uma produção de Hollywood.

Foto: Reprodução / TV Globo

A personagem de Kéfera será ex-namorada de Alain (João Vicente de Castro), diretor do longa que será rodado na história. Ela terá um papel secundário no filme e, disposta a alcançar o posto de protagonista, rivalizará com a mocinha (Vitória Strada):

- Ela é muito competitiva, quer ser o centro das atenções. Depende dos fãs para ser feliz e ama a fama. Vai fingir um romance com Mauro César (papel de Rômulo Neto, que também será um ator na novela). A relação fake é para que os dois possam aparecer mais, mas eles acabam se envolvendo de verdade. A Mariane é uma vilã cômica. Não é muito má como a Nazaré Tedesco (Renata Sorrah em 'Senhora do destino'). Ela tenta armar, mas se atrapalha mais do que acerta.

Antes de iniciar os trabalhos na novela, ela fez uma preparação com Estrela Straus, com quem já trabalhou no filme "De novo, não!", que ainda será lançado. E revela que, no início, "estava com um pouco de medo":

- Novela é outro ritmo. Não é como num filme ou numa peça de teatro, em que você conhece toda a história do personagem. Eu sei como a trama da Mariane começa, mas não sei de que forma termina.

Atriz por formação, Kéfera acredita que existe um preconceito por causa de seu trabalho no YouTube.

- Tem gente que acha que surgi na internet e, por causa dessa visibilidade, resolvi ser atriz. Não foi isso. Comecei a fazer teatro aos 15 anos. Passei por uma banca e fiz prova teórica para tirar meu DRT (registro profissional). Na verdade, eu usei o YouTube como uma porta de entrada para algo maior, para que eu fosse vista. Eu morava em Curitiba, não tinha contato com ninguém do meio artístico. Comecei do zero e tive que caminhar sozinha. Mas quem conferiu as minhas primeiras cenas na novela viu que eu não estava para brincadeira. Eu me preparei e estudei.

Kéfera comenta ainda como aprendeu a lidar com as críticas nas redes sociais e conta que foi vítima de machismo por causa de seus vídeos:

- Os homens falavam: 'Faz vídeo de biquíni que você vai se dar melhor' ou 'Você é bonitinha, mas de boca fechada'. Na internet, todos costumam ser muito maldosos. No começo, foi bem difícil. Era doloroso ler comentários negativos sobre mim. Às vezes, as pessoas descontam as frustrações delas em outra. Mas, conforme foi passando o tempo, fui ficando mais tranquila, mais calejada. Hoje em dia tento não me contaminar, não deixo que isso me atinja.

Namorada do DJ Eme, a atriz afirma que ele não é ciumento.

- Ele é muito compreensivo. Sabe que vou fazer par romântico com o Rômulo e entende que esse é o meu trabalho - diz Kéfera, que mantém um relacionamento à distância, já que atualmente vive em São Paulo e o namorado, em Minas. - Tem a parte dolorosa por causa da saudade, mas, por outro lado, é bom, pois aproveitamos mais os momentos juntos.